Área médica: os principais desafios

Tempo de leitura: 3 minutos

A carreira médica e o seu prestígio na sociedade

A carreira médica é uma das mais tradicionais e mais valorizadas, não apenas no Brasil, mas em todo o mundo. Quando se fala em ser médico, já se tem um grande prestígio pela maior parte da sociedade, uma vez que a profissão é considerada como uma das mais nobres. A carreira médica também é uma das mais bem remuneradas, por isso, o sonho de ingressar nela é cada vez maior.

No entanto, é importante lembrar que nem tudo são flores. Ou seja, além do grande prestígio e dos salários bem remunerados, o médico enfrenta diariamente uma série de desafios que faz parte da profissão. Dessa forma, cabe a cada profissional saber reconhecer e enfrentar esses desafios, de modo que o exercer da função não seja prejudicado, afinal, o seu compromisso maior é, e sempre será, com a saúde de seus pacientes.

Os principais desafios enfrentados pelos médicos

O primeiro desafio enfrentado pelos médicos está relacionado ao tempo. Por mais que pareça que o médico trabalhe menos e ganhe muito mais, as jornadas de trabalho dessa profissão são extremamente extensas e cansativas. Um exemplo são os plantões realizados, onde se tem oito horas para atender uma infinidade de pacientes, cada qual com um problema diferente para ser resolvido.

Diante dessa situação, o médico precisa se dedicar ao máximo, para prestar o melhor atendimento a todos os pacientes que esperam por ele, dando a devida atenção para cada caso.

Agora pensando nos médicos recém-formados, um grande desafio é conseguir um plantão para começar a carreira. A dificuldade é ainda maior porque, ao sair da faculdade, o novo médico tem um grande conhecimento teórico, porém, pouco conhecimento prático. Assim, conseguir ingressar pela primeira vez em um hospital ou posto de saúde é relativamente difícil.

Como a procura pelos cursos de Medicina cresce a cada dia, outro desafio da carreira médica é a especialização. Ela é necessária para que, em meio a uma infinidade de médicos, tenha-se então um diferencial e uma oportunidade a mais no mercado de trabalho. O problema é que as especializações estão cada vez mais difíceis e o tempo de cada uma delas é consideravelmente grande. Sendo assim, demanda dedicação e disponibilidade do médico, o que, vez ou outra, pode atrapalhar os seus horários de atendimento.

A relação com os pacientes

Outro desafio enfrentado pelos médicos é a incompreensão dos pacientes. A maioria deles, quando vai ao médico, quer o resultado das consultas e exames em pouco tempo, o que nem sempre é possível. O médico, por sua vez, não pode dar um diagnóstico sem antes ter certeza do caso e, por isso, às vezes, precisa realizar mais de um exame para afirmar o que se passa com seu paciente.

Ainda sobre o relacionamento com os pacientes, outro grande desafio é conquistar a confiança e a compreensão em casos de diagnósticos não tão favoráveis. É comum, por exemplo, que ao receber a notícia de uma doença grave, o paciente chegue a duvidar do profissional médico e procure outro para confirmar.

Por fim, o médico precisa sempre procurar a melhor forma de dar as notícias aos seus pacientes, de modo a causar o menor pânico possível e confortá-los, mostrando as soluções e os métodos de tratamento.

Leia outros artigos em nosso blog. Acesse e confira!