Vale a pena trabalhar SOMENTE com convênio médico?

convênio médico

As empresas de convênio médico se popularizaram rapidamente desde a sua criação. Inicialmente, destaca-se, eles eram bem atrativos para os médicos! Considerados como a melhor opção também entre os pacientes, atendidos prontamente em suas necessidades mais básicas e elementares, este segmento de mercado saturou causando, infelizmente, a completa mudança deste cenário antes tão positivo.

O Brasil tem enfrentado inúmeros problemas em seu sistema de saúde e, seja público ou até mesmo privado, as queixas têm crescido exponencialmente atingindo a todos, desde os usuários até os profissionais da área, entre outros.

Neste contexto, o que antes era solução, agora nada mais é do que um catastrófico agravante.

As reclamações associadas aos planos de saúde têm chamado à atenção de toda a sociedade brasileira. O que antes deveria ser uma ponte, capaz de expandir o acesso à saúde de qualidade, hoje acaba sendo apenas mais uma grande dor de cabeça para boa parte da população.

A insatisfação é completa e evidente! Usuários que pagam mensalmente altos valores queixam-se da demora na marcação de consultas, da falta de qualidade no atendimento prestado e da crescente dificuldade de se encontrar especialistas que atendam ao plano contratado.

Por outro lado, médicos e demais profissionais da área da saúde reclamam das condições precárias de trabalho, já que os valores repassados por atendimento são irrisórios e insuficientes para que seja mantido qualquer mínimo padrão de excelência.

Como se vê, trabalhar com empresas de convênio médico deixou, portanto, de ser algo majoritariamente vantajoso e por isso mesmo muitas dúvidas surgiram sobre credenciar-se ou não aos planos que estão disponíveis no mercado.

Esta também é uma dúvida recorrente no seu dia a dia profissional? Neste artigo falaremos justamente sobre algumas das principais vertentes na hora de tomar esta importante decisão. Você sabe quais são as principais vantagens e desvantagens de atender aos pacientes vindos de operadoras de convênio médico?

É hora de colocar tudo isso na balança para encontrar a sua resposta ideal a esta questão!

Para tanto, primeiramente elencamos alguns dos mais alarmantes dados e números do setor que contribuem com a escolha sobre atender ou não a convênios médicos. Veja:

Alguns dados e números alarmantes sobre convênio médico

A carreira de medicina e áreas associadas a ela tem sido o grande sonho de muita gente ao longo das décadas. Devido a isso, e a crescente abertura de novas vagas, faculdades e cursos direcionados ao segmento, é visível o aumento dos profissionais neste ramo.

Ávidos em por em prática tudo aquilo que foi aprendido em sala de aula e também motivados pelo retorno financeiro da profissão, a grande maioria dos médicos se lança no mercado rapidamente atendendo em hospitais em plantões nas redes públicas e privadas.

Mas, o principal objetivo da maioria absoluta desses profissionais é, sem dúvida, abrir o próprio consultório! E este é um passo e tanto na carreira. Determinante para toda a vida profissional do médico.

Estruturar a vida junto aos projetos e ao negócio é uma tarefa que merece muita atenção para dar certo! Tomar decisões de modo certeiro é o primeiro passo para o sucesso!

Neste contexto surgem as primeiras dúvidas. Credenciar-se, ou não, às empresas de convênio médico para iniciar os trabalhos do consultório, ou clínica, é claramente uma delas.

Hoje, estima-se que pelo menos ¼ dos médicos e profissionais da saúde não atendam a esses planos, aceitando apenas a consultas particulares.

Este dado alarmante é fruto de uma pesquisa realizada pela Faculdade de Medicina da USP em parceria com o CFM – Conselho Federal de Médicos – e com o Cremesp – Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo.

Neste mesmo estudo evidencia-se que os demais 75% dos profissionais, que ainda atendem a convênios, tem dedicado um menor tempo de seu dia a dia para tais consultas, reservando um espaço consideravelmente menor para este trabalho.

Enquanto cobra-se de R$ 200 a R$ 1.500 reais por consulta particular numa cidade grande como São Paulo, a dura realidade dos valores que são pagos pelos convênios é altamente contrastante: Dificilmente as consultas recebem pagamentos superiores a R$ 60 reais!

A opção pelo não atendimento aos planos tem sido a saída para quem precisa priorizar qualidade de vida, retorno financeiro e estabilidade. Nos próximos tópicos discutiremos as principais vantagens e desvantagens em atender convênios médicos em seu consultório.

Fique de olho para tomar a melhor decisão para o seu negócio e para a sua vida!

Principais vantagens de atender por convênio médico

É claro que nem tudo é ruim e em determinadas etapas da vida profissional de um médico ou especialista da área da saúde pode ser realmente importante fazer parte de ao menos um convênio.

Esta necessidade é sentida, principalmente, no início da carreira, em que seu nome ainda não é tão conhecido ou procurado como referência para a marcação de consultas.

O livreto, ou como também é chamado, “catálogo” de doutores e especialidades oferecido pelos convênios médicos aos seus usuários é uma importante e eficaz ferramenta de marketing na vida de um profissional da saúde, responsável por atrair pacientes para dentro do negócio.

Se você precisa iniciar a sua cartela de clientes, credenciar-se pode ser uma boa alternativa!

Conseguir clientes é o primeiro passo na vida de qualquer profissional, seja ele de qualquer área ou segmento! Na saúde, ter um acompanhamento de um mesmo médico ao longo de toda a vida, ou fase, é um dos principais desejos do paciente e isso é facilmente explicado.

Afinal, quem não gosta de um atendimento mais pessoal, todo personalizado, em que não é preciso ficar contando todo o histórico hospitalar a cada nova consulta?

Aceitar planos de saúde é, também, uma das formas de sempre ter pacientes na sala de espera. O mercado, apesar de muitas crises e abalos, ainda conta com um número bem expressivo de pagantes de convênios e, sendo assim, dificilmente você ficará sem trabalhar em seu dia a dia.

Além disso, atender a convênios médicos é uma das formas de preencher horários na agenda!

Muitos profissionais têm trabalhado, justamente, com a reservada de vagas e horários para atendimento de planos e com outra para atendimentos a consultas particulares. Um equilíbrio que, se bem estruturado pode, sim, trazer inúmeras vantagens para todos.

O volume de pacientes acaba sendo um dos fatores mais decisivos na hora em que o profissional opta pelo seu credenciamento a um plano de saúde.

Além dos futuros clientes vindos desses catálogos, é importante destacar ainda a possibilidade de angariar outros tantos, expandindo a listagem de atendimentos, devido às indicações feitas pelos pacientes que já estão sendo atendidos.

É claro que, para ter sucesso, não existe fórmula mágica, mas atender com qualidade, eficiência e compromisso são fatores que determinam, sem dúvida, o andamento do negócio.

Desvantagens do atendimento a convênios médicos

Infelizmente, como já falamos ao longo de todo este artigo, existem sérias falhas nas redes de convênios médios e estas são as principais responsáveis pela deterioração deste serviço que antes era tão estimado e bem aceito por todos os envolvidos nesta relação.

A principal queixa vem, claramente, dos médicos e dos responsáveis por consultórios e clínicas que não obtém retorno suficiente para suprir as necessidades e gastos de sua profissão com as pequeníssimas parcelas que lhe são pagas por cada atendimento prestado.

Viver exclusivamente de atendimento a convênios é uma realidade impossível hoje em dia!

De acordo com o Doutor Drauzio Varella, os números são ainda mais alarmantes do que aqueles citados anteriormente neste texto! Existem convênios médicos que pagam de R$ 8 a R$ 32 reais por consulta. Uma média incrivelmente baixa de R$ 20 por atendimento.

Se você parar um minuto para fazer uma conta rápida logo concluirá que com valores irrisórios é impossível manter um consultório e ainda ter algum tipo de lucro.

Além disso, para ter uma renda minimamente aceitável, o médico precisará trabalhar em jornadas duplas e triplas, atendendo em massa em poucos minutos. É devido a isso tudo que ouvimos constantemente as pessoas reclamarem que foram medicadas ou encaminhadas sem que ao menos o profissional tenha lhe olhado no rosto!

E, mais: Se isto era antes uma reclamação comum aos hospitais e postos públicos, hoje são recorrentes entre os modelos privados também!

Como se não bastasse, por fim, a burocracia e a demora no recebimento por cada consulta e exame realizado são também grandes desmotivadores para os profissionais da saúde que procuram pesar os prós e contras na hora de se credenciar.

Não é difícil, também, que o consultório ou clínica deixe de receber por alguns pacientes vez ou outra e isso tudo sem uma explicação mais aprofundada.

Evidentemente, há muito o que se melhorar quando tratamos do assunto convênio médico!

E agora? Vale a pena atender por convênio médico

Frente a tudo isso que foi elencado, é possível que você tenha formado, ou reafirmado, o seu posicionamento sobre o assunto. Agora lhe pergunto: Você está pronto para tomar esta decisão?

É claro que a melhor alternativa é trabalhar com o particular, porém nem sempre esta é viável e sustentável no longo prazo por isso avaliar a oportunidade de conciliar tais atendimentos pode ser a opção ideal!

É muito importante entender que, atualmente, para garantir seu espaço no mercado, o profissional da área da saúde deve estar sempre atualizado e investindo em ações que aumentem a visibilidade de sua clínica ou consultório, através de uma estratégia de marketing e de um bom atendimento e relacionamento com o paciente.

Você sabia que existem softwares médicos extremamente eficazes que auxiliam na gestão do consultório e no relacionamento com os pacientes? E que, inclusive, podem ajudá-lo na parte estratégica e no marketing do consultório? Já pensou se, no seu software médico, além de gerenciar seus pacientes, você pudesse também criar e conduzir o seu próprio site e blog?

No iMedicina nós oferecemos essa possibilidade! Conheça nossa proposta visitando a nossa página e entenda melhor como informatizar o seu consultório e atrair novos pacientes!

Se gostou das informações dadas neste texto, vale a pena conferir os demais relacionados ao assunto que estão disponíveis em nosso blog!

Compartilhe este conteúdo:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Compartilhe este conteúdo:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Artigos relacionados

O que achou? Deixe seu comentário!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Já está de saída?

Junte-se a dezenas de milhares de Médicos e receba no seu email os melhores conteúdos sobre gestão, empreendedorismo e marketing em saúde.

Ao inscrever na nossa newsletter, você está autorizando o iMedicina a enviar conteúdos de seu interesse. Jamais fazemos spam! Confira nossa política de privacidade.

Junte-se a Dezenas de Milhares de Médicos

Receba no seu email os melhores conteúdos sobre gestão, empreendedorismo e marketing em saúde.