As redes sociais viraram o jogo do marketing médico?

marketing médico

As redes sociais cresceram de forma acentuada nos últimos anos, assim como a necessidade de fazer marketing médico.

Em 2012, por exemplo, os usuários do Facebook ultrapassaram 1 bilhão de pessoas em todo o mundo. Hoje, outras comunidades como o Instagram, Youtube e o Twitter seguiram o mesmo caminho.

Essa presença digital tem refletido também na atuação profissional, exemplo disso é o aumento no número de médicos recorrendo às redes sociais para se relacionar com outros profissionais, trocar experiências, procurar oportunidades de parceria e alcançar seus pacientes.

Em outras palavras, a comunicação hoje vem acompanhando as mudanças tecnológicas, o que pode ser extremamente positivo para médicos empreendedores.

O ambiente digital é propícios para melhorar ou aprimorar redes de contato, atendimento ao paciente, educação e programas de saúde.

Quer entender melhor como você pode se beneficiar do uso dessas mídias para seu trabalho? Confira neste artigo!

Redes sociais x marketing médico

Embora o marketing de mídia social seja frequentemente associado a empresas maiores, recentemente o conceito se popularizou bastante.

Hoje, médicos, dentistas, cirurgiões plásticos e outros profissionais relacionados à saúde compreenderam a importância e estão se engajando nas de redes sociais.

Quando alguém procura por serviço médico no Google, por exemplo, os resultados da primeira página revelam os profissionais com maior autoridade , dentre as páginas de referência. É muito comum que entre esses resultados, apareça o perfil de redes sociais do médico que distribui informações mais relevantes sobre o tema. Isso atrai mais visitantes que podem se tornar pacientes futuramente.

Uma campanha de marketing de mídia social para médicos pode significar:

  • Tomar uma variedade de ações para fazer sua prática se destacar (mesmo fora da sua região de atuação);
  • Aumentar a visibilidade de seu trabalho;
  • Comunicar-se de forma eficiente com seus pacientes;
  • Prospectar novos pacientes;
  • Trocar experiências com outros profissionais e mais!

As redes sociais podem ser bastante intimidantes para muitos profissionais de saúde e bem-estar, mas também podem ser uma ferramenta acessível que não deve ser desconsiderada.

Dentre as vantagens, as redes sociais permitem aos médicos interagirem com seus pacientes para divulgar a prática médica de forma eficaz, além de combaterem informações falsas que circulam sobre a área.

Além disso, é um meio de expandir o alcance de seus serviços, atraindo e fidelizando pacientes.

É muito importante lembrar que, hoje em dia, antes de procurarem um profissional, as pessoas têm o hábito de buscar informações sobre seus sintomas online, chegando até mesmo a autodiagnósticos.

Assim, se você não oferecer aos seus atuais e futuros pacientes um conteúdo interessante e relevante, eles navegarão até outro lugar.

Para os que se preocupam com as questões de responsabilidade ou privacidade, saiba que com o marketing médico é possível encontrar um bom equilíbrio entre comunicação transparente e as limitações necessárias, decorrentes da profissão.

Noções básicas de marketing médico nas redes sociais

O uso de mídias sociais por médicos está muito menos saturado do que outros setores porque ainda é relativamente novo.

Por isso, a chance de sua estratégia ser muito eficaz e lucrativa (a longo prazo) é enorme!

Se você começou agora neste jogo e não sabe o que fazer para alcançar sucesso online, confira essas dicas:

Comece do início

Parece controverso, mas as pessoas muitas vezes querem pular a primeira parte do processo!

Prontuário Eletrônico Gratuito

Antes de pensar em posts, o que falar etc., foque em configurar suas contas nas principais redes sociais: Instagram e Facebook.

Essa é a primeira etapa para começar a construir sua presença online. Lembre-se, ainda, de preencher todas as seções dos perfis para otimizá-los de forma que o usuário leia a biografia e já saiba do que se trata, onde você atende e qual a sua especialidade.

Aposte em imagens

Hoje em dia, as pessoas prestam muito mais atenção a qualquer informação que seja acompanhada por uma imagem ou vídeo.

Criar o hábito de adicionar um componente visual às suas postagens é essencial porque melhora o engajamento das suas redes.

É importante apenas certificar-se de que o conteúdo seja original e que todas as imagens sejam livres de direitos autorais.

Compartilhe o que você sabe

Aproveite sua experiência para compartilhar informações relevantes sobre sua área de conhecimento e trazer uma nova perspectiva para seus seguidores e pacientes.

Seja preciso e relevante

Com a quantidade de “notícias falsas” em circulação nas redes, não é surpreendente que, quando se trata da área médica, haja muita desinformação em jogo.

Muitas vezes, os pacientes ficam confusos e duvidam da exatidão das informações médicas encontradas online, por isso é importante se dedicar para compartilhar conhecimento sobre seu campo específico de especialização.

Evite interagir com contas e conexões duvidosas, pois isso pode afetar sua credibilidade agora e a longo prazo. Torne-se uma fonte de informações confiável!

Envolva-se em conversas reais

Um dos aspectos mais exclusivos das redes sociais é a capacidade de ter conversas reais com colegas, amigos, seguidores e uma variedade de outros contatos em sua rede.

Ao se envolver em conversas e fazer perguntas, você é capaz de reunir novos insights enquanto mostra seu lado humano.

Faça pesquisas em sua rede para estabelecer ainda mais sua credibilidade como um profissional de saúde e bem-estar respeitado e confiável.

Boas práticas para médicos nas redes sociais

Os padrões de comunicação esperado dos médicos não mudam porque eles estão se comunicando por meio das redes sociais.

No entanto, novos desafios podem surgir. Para evitar armadilhas, certifique-se de seguir algumas boas práticas:

  • Seja pessoal, mas profissional;
  • Não ofereça aconselhamento médico, prefira compartilhar dicas educacionais com seus pacientes;
  • Explore uma condição médica em geral ou use relatos fictícios em vez de usar um caso específico;
  • Jamais utilize fotos de pacientes;
  • Seja seletivo ao interagir com os pacientes;
  • Proteja-se contra informações incorretas;
  • Siga as políticas institucionais;
  • Evite conflitos de interesse.

Considerações finais

A mídia social é um investimento contínuo e requer manutenção regular para manter a comunidade envolvida.

Seja frequente nas postagens, utilize ferramentas gratuitas para incrementar os processos e use o tom de voz adequado.

Seguindo isso, pode ter certeza que sua a reputação online trará retorno positivo – mas é preciso paciência!

Assim, o marketing médico eficaz é fundamental para o crescimento dos seus resultados, e a mídia social é uma parte essencial disso.

Com as plataformas certas e uma organização de postagem consistente, seus perfis sociais ajudarão a expandir sua presença e melhorar a comunicação com seus pacientes a longo prazo.

Quer saber mais sobre o assunto? Acesse nosso Guia de Redes Sociais para clínicas e consultórios e conheça as estratégias que trazem os melhores resultados para seu negócio!

metodologia imedicina

Deixe seu
comentário

Compartilhar

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on twitter
Share on linkedin

Assuntos
Mais Procurados

Clínicas Digitais | Conheça o Livro
iMedicina Software Gratuito - Conheça!

Ainda não encontrou
o que buscava?

Método iMedicina

O iMedicina é uma das 10 Maiores Empresas de Tecnologia da Área de Saúde do Brasil, segundo a Distrito.me

Auxiliamos Profissionais de saúde nos 3 Pilares Fundamentais que precisam para prosperar na carreira: