Dados do paciente: como ter acesso de qualquer lugar sem comprometer a segurança

dados do paciente

Os dados do paciente são informações fundamentais para a atuação de um profissional de saúde. Ao mesmo tempo, são extremamente sensíveis e sigilosos.

Em tempos de telemedicina, o grande desafio está ter o acesso remoto a essas informações com segurança.

Você sabe como? Conhece as tecnologias que garantem esse nível de proteção? Então continue a leitura! Neste artigo, você vai saber a importância do armazenamento seguro desses dados e conhecer a ferramenta que possibilita o acesso remoto sem riscos. Acompanhe!

Por que os dados do paciente precisam ser armazenados de forma segura?

O prontuário do paciente contém informação essencial para a assertividade de um diagnóstico e para a interpretação correta de um caso médico. Conhecer previamente as alergias, doenças crônicas ou hipersensibilidades de um paciente, pode ser decisivo em alguns momentos.

Dessa forma, o primeiro aspecto que evidencia a importância do armazenamento seguro dos dados do paciente é o risco de perda, extravio ou rasura de todos os arquivos que compõem o seu histórico.

Em segundo lugar, o sigilo profissional é a base da relação entre médico e paciente, preceito regulamentado pelo Código de Ética Médica.

Em seu capítulo IX, o Código impede que o médico revele qualquer fato que teve acesso em função do exercício profissional, excetuando justa causa, dever legal ou casos em que há o consentimento do paciente.

Ademais, a confidencialidade dos dados do paciente é resguardada pelo Conselho Federal de Medicina (CFM), Código Penal e pela Constituição Federal. Esse sigilo transmite confiança para o paciente, que relata o seu quadro com sinceridade, favorecendo o diagnóstico e o tratamento.

Como contar com a mobilidade e segurança dos dados do paciente? 

O prontuário eletrônico é um sistema que reúne todos os dados pertinentes ao histórico de saúde de um paciente de forma digital. Nele constam todas as condições médicas, doenças e tratamentos passados e em andamento. 

Ainda, os principais hospitais, clínicas e consultórios do mundo todo já utilizam essa ferramenta. Isso porque traz muitos benefícios para a rotina dessas instituições, como, por exemplo:

  • facilidade no compartilhamento de informações;
  • agilidade na busca dos dados;
  • praticidade no preenchimento do prontuário;
  • redução dos erros médicos;
  • segurança dos dados do paciente.

Como é a segurança dos dados em um prontuário eletrônico?

Os prontuários digitais são regulados pela Resolução CFM n.º 1.821/07, que autoriza o seu uso e dá embasamento legal para as informações digitalizadas. Porém, precisam atender aos requisitos de proteção mencionados na norma.

Assim, para confirmar a segurança das informações contidas em um prontuário eletrônico e evitar o risco de vazamento de dados, surgiram diversos mecanismos, como, por exemplo:

  • criptografia de dados: protocolo de segurança no qual  os dados são codificados e se tornam ilegíveis. Nos casos de invasão do sistema, a recuperação dos dados depende do uso de uma chave de descriptografia;
  • armazenamento na nuvem: um servidor online de alta segurança e monitorado diariamente armazena todas as informações do sistema;
  • restrição de acesso: restringe o acesso do prontuário mediante login e senha, além de permitir que o gestor defina os limites dessa utilização;
  • rotina de backups: consiste no salvamento de todos os dados do sistema. Assim, são utilizados como ponto de restauração, no caso de perda das informações;
  • segurança jurídica: para que tenha validade jurídica, as informações do prontuário digital precisam ser salvas com assinatura eletrônica certificada pela ICP-Brasil.

Como o prontuário digital em nuvem garante a mobilidade dos dados do paciente?

A mobilidade dos dados do paciente permite que sejam acessados de qualquer lugar e em qualquer hora, desde que haja internet conectada. Porém, é um recurso disponibilizado apenas nos prontuários digitais com armazenamento em nuvem.

Isso porque esses sistemas são armazenados em servidores online, deixando as informações contidas neles disponíveis 24 horas. Dessa maneira, mesmo que o seu computador fique no consultório, você pode utilizar o celular ou outro dispositivo eletrônico conectado à internet para consultar uma informação do paciente.

Com isso, mesmo em casos de viagem ou de longa ausência do consultório, sua rotina não será afetada e você poderá continuar a exercer seu trabalho sem prejuízos. O desenvolvimento de novas tecnologias, fez com que a mobilidade se tornasse um recurso necessário.

Prontuário Eletrônico GratuitoPowered by Rock Convert

Outra vantagem de um sistema em nuvem é que, mesmo se o computador do consultório apresentar problemas, os dados estão salvos online e continuam disponíveis para consulta a partir de qualquer dispositivo. 

Portanto, podemos afirmar que o prontuário eletrônico armazenado em nuvem é uma ferramenta que garante o acesso aos dados do paciente de qualquer lugar, em qualquer hora e de qualquer dispositivo, de forma segura, com riscos mínimos de vazamento ou de extravio das informações.

Conheça algumas situações que exigem o acesso remoto aos dados do paciente

Conforme já mencionamos, garantir o sigilo das informações dos pacientes é uma obrigação do profissional de saúde, sendo passível de punição severa tanto pelo conselho de classe quanto pelo Código Penal. 

Porém, em situações adversas, como é o caso da pandemia do novo coronavírus, há a necessidade de adaptar-se à nova realidade e buscar alternativas para manter o atendimento ao paciente.

A seguir, listamos algumas situações em que o prontuário eletrônico é fundamental para garantir o acesso remoto aos dados do paciente.

Atendimento por telemedicina

A necessidade de isolamento social impossibilitou a realização das consultas presenciais, exigindo que as autoridades brasileiras e os órgãos responsáveis oferecessem novas possibilidades para a continuidade da prestação dos serviços médicos.

Dessa forma, surgiu a portaria n.º 467/20 que, dentre outras coisas, autoriza a realização de atendimentos por telemedicina no Brasil. No entanto, essa autorização trouxe outra demanda: o acesso à distância aos dados dos pacientes.

Neste sentido, os principais sistemas de prontuários digitais oferecem a integração com plataformas de telemedicina, possibilitando que, durante a consulta online, o médico consiga visualizar e editar as informações no prontuário do paciente.

Utilizar clínicas de terceiros para atendimento

Outra situação bem comum é a necessidade de utilizar clínicas ou consultórios de terceiros para prestar atendimento. Isso pode ocorrer em razão da impossibilidade de deslocamento do paciente ou do próprio profissional.

Da mesma forma que ocorre com a telemedicina, o prontuário eletrônico em nuvem também pode ser acessado de outro lugar fora do consultório, necessitando apenas de um dispositivo conectado à internet.

Atendimento de emergência

Além dessas situações, outros casos frequentes na rotina de um profissional de saúde são os atendimentos de emergência. O paciente se sente mal ou sofre um acidente e necessita consultar-se imediatamente com seu médico.

Nessas ocasiões, é de extrema importância contar com um prontuário digital. Assim, você consegue atender o paciente pelo celular, auxiliando-o a solucionar ou aliviar sua condição.

Então, como você pode perceber, um dos aspectos mais importantes na relação entre médico e paciente é a confidencialidade das informações compartilhadas por ele. Caso contrário, você pode sofrer sanções que, dentre outras coisas, afetarão negativamente a sua imagem.

Portanto, considere a implementação de um prontuário eletrônico armazenado na nuvem. Assim, você disponibiliza o atendimento remoto de forma segura, transmitindo a confiança necessária para atrair e fidelizar pacientes.

Quer saber mais sobre segurança dos prontuários eletrônicos? Leia o artigo: Como É a Segurança Das Informações No Prontuário Eletrônico? e fique por dentro do assunto!

metodologia imedicinaPowered by Rock Convert

Deixe seu
comentário

Compartilhar

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on twitter
Share on linkedin

Assuntos
Mais Procurados

Clínicas Digitais | Conheça o Livro
iMedicina Software Gratuito - Conheça!

Ainda não encontrou
o que buscava?

Método iMedicina

O iMedicina é uma das 10 Maiores Empresas de Tecnologia da Área de Saúde do Brasil, segundo a Distrito.me

Auxiliamos Profissionais de saúde nos 3 Pilares Fundamentais que precisam para prosperar na carreira: