Fisioterapia: qual especialidade vale mais a pena seguir hoje?

fisioterapia

Importante aliada no estudo, diagnóstico e processo de recuperação de problemas e disfunções nos órgãos e sistemas do corpo, a fisioterapia é uma das áreas da saúde que segue em crescimento constante no país.

As diversas técnicas utilizadas para os tratamentos variam entre ginásticas, massagens, procedimentos tendo a temperatura, luzes e água como base e o uso de aparelhos, que se aperfeiçoam cada vez mais conforme as tecnologias evoluem.

No entanto, qualquer técnica, por melhor que seja, depende de quem a aplica, escolhendo a mais adequada para cada caso. Quem faz isso então é o fisioterapeuta, que precisa estar em constante atualização e de olho em novidades que permitam sua qualificação sempre elevada e possibilitem seu crescimento para se destacar na área.

Mas se você é um profissional em início de carreira e quer ter mais noção do mercado ou simplesmente deseja apostar em uma especialização com mais chances de sucesso, é bom ficar de olho no que vem se destacando entre as áreas mais buscadas no atendimento fisioterapêutico.

Especialidades tradicionais têm mais demanda

O fisioterapeuta pode atuar em diversos setores da saúde: hospitais, clínicas, consultórios, clubes esportivos, centros de reabilitação, no âmbito privado ou público. É possível fazer carreira também na área acadêmica, em estabelecimentos de estética e na indústria de equipamentos, etc.

Mas se o objetivo é entender quais são as especialidades mais procuradas pelos pacientes e, por consequência, com chance maior de estabilidade, é preciso que o profissional analise em quais intercorrências a fisioterapia é mais solicitada, independente do local em que é praticada, embora seja válido salientar que a do ambiente hospitalar é, sem dúvidas, a que mais demanda profissionais.

Entretanto, a área de Traumato-Ortopedia é a mais comum entre os que precisam de algum tratamento relacionado a traumas, já que essa é a especialidade que previne e trata as doenças do sistema musculoesquelético em geral (que engloba músculos, ligamentos e articulações).

Essa procura maior se deve às lesões que ocorrem com frequência, variando de acometimentos por movimentos repetitivos – cada vez mais recorrentes devido aos trabalhos que precisam ser realizados em computadores, por exemplo – até acidentes e traumas de maior gravidade e complexidade.

O profissional pode optar por se especializar nessa área e se manter estável no sentido da demanda frequente, independentemente se estiver atendendo em estabelecimentos de saúde ou home care (tratamento residencial ao paciente).

Inclusive, o atendimento a domicílio é uma das áreas que mais tem demonstrado crescimento considerável nos últimos anos, devido ao desejo da comodidade de não precisar sair de casa ou por causa da necessidade de não conseguir se locomover com facilidade, como é o caso dos idosos (mais uma área de atendimento em crescimento, devido ao envelhecimento da população brasileira).

Ascensão da Fisioterapia Desportiva torna a especialidade promissora

Se o foco do profissional, no entanto, é adentrar em uma área que vem ganhando cada vez mais adeptos e abrindo espaço para a atuação do fisioterapeuta, a dica é se especializar em Fisioterapia Desportiva, especialidade com mais evidência atualmente.

Não precisa ir muito longe para perceber que a prática esportiva está saindo para as ruas e se tornando cada vez mais ligada ao cotidiano das pessoas que buscam a melhora da saúde e da estética, sobretudo após a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas 2016 sediadas no Brasil, que deram mais visibilidade a modalidades esportivas variadas.

Logo, a visão de que a Fisioterapia Desportiva tem utilidade apenas para atletas profissionais ou praticantes de atividades físicas de poder aquisitivo maior já é ultrapassada.

Por consequência do aumento de praticantes e de atletas amadores, aumentaram também as lesões em decorrência dos exercícios e modalidades esportivas e é aí que entram as solicitações em maior número pela fisioterapia, prezando pelos tratamentos e prevenções de quem deseja se manter ativo.

Além disso, a especialidade ainda é considerada nova, logo o número de profissionais tende ainda a ser menor se comparado a outras especialidades. O que leva à questão da remuneração, que, como em qualquer outra área, varia da frequência e tipo de atendimento, mas como a Fisioterapia Desportiva tem atualmente mais adeptos a nível individual e não apenas instituições como clubes de futebol, o fisioterapeuta pode tratar de valores diretamente com cada paciente.

A popularidade é aliada em novas possibilidades promissoras

Por falar em novas práticas, a estética também tem sido considerado elemento importante para o bem-estar das pessoas, logo, a atividade que se direciona a essa função também tem grandes chances de ascensão.

A especialidade que se dedica aos tratamentos estéticos é a Dermato-Funcional, com trabalhos faciais e corporais com o objetivo de minimizar e evitar que distúrbios dermatológicos do paciente se tornem irreversíveis.

Sendo a massoterapia, eletroterapia, laser, limpeza de pele para recuperação funcional, ultrassom, alguns exemplos de tratamentos dessa área.

Não há uma especialidade em que a estabilidade ou sucesso sejam garantidos e na fisioterapia não é diferente, mas vale ficar atento e avaliar a possibilidade de investir nessas áreas em atual evidência.

De qualquer forma, é muito importante entender que, atualmente, para garantir seu espaço no mercado, o profissional de fisioterapia deve estar sempre atualizado e investindo em ações que aumentem a visibilidade de sua clínica ou consultório, através de uma estratégia de marketing e de um bom atendimento e relacionamento com o paciente.

Você sabia que existem softwares médicos extremamente eficazes que auxiliam na gestão do consultório de fisioterapia e dos pacientes? E que, inclusive, podem ajudá-lo na parte estratégica e no marketing do consultório? Já pensou se, no seu software médico, além de gerenciar seus pacientes, você pudesse também criar e conduzir o seu próprio site e blog?

No iMedicina nós oferecemos essa possibilidade! Conheça nossa proposta visitando a nossa página e entenda melhor como informatizar o seu consultório de fisioterapia e atrair novos pacientes!

Se gostou desse artigo, confira outros textos em nosso blog!

Compartilhe este conteúdo:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Compartilhe este conteúdo:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Artigos relacionados

O que achou? Deixe seu comentário!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Já está de saída?

Junte-se a dezenas de milhares de Médicos e receba no seu email os melhores conteúdos sobre gestão, empreendedorismo e marketing em saúde.

Ao inscrever na nossa newsletter, você está autorizando o iMedicina a enviar conteúdos de seu interesse. Jamais fazemos spam! Confira nossa política de privacidade.

Junte-se a Dezenas de Milhares de Médicos

Receba no seu email os melhores conteúdos sobre gestão, empreendedorismo e marketing em saúde.