Aprenda a fazer a consulta no CNES – Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde

cnes

Visando um melhor planejamento e uma melhor organização na assistência hospitalar e ambulatorial, o Ministério da Saúde estabeleceu como critério obrigatório para estabelecimentos médicos o cadastro no CNES (Cadastro Nacional de Estabelecimento de Saúde). O CNES tem como objetivo administrar de maneira mais prática o planejamento e auxílio em saúde a estabelecimentos que prestam serviços de saúde à população.

(Nós temos um outro artigo, que explica bem o que é o CNES e a sua função na medicina. Se quiser saber mais, você pode acessá-lo aqui.)

Se você é responsável técnico de algum consultório ou outra instituição médica, já deve ter ouvido falar desse cadastramento, está fazendo ou já realizou o processo. Fornecendo informações atualizadas sobre a estrutura da sua clínica, o CNES garante ao gestor de saúde municipal e também ao responsável técnico e sua equipe toda a realidade da clínica, quais são suas necessidades que precisam ser assistidas e qualquer outra ajuda que precise do órgão público de saúde.

Além da assistência, esse cadastro também oferece um controle melhor e uma visibilidade do seu consultório de modo mais abrangente, trazendo até mais segurança aos pacientes que vão à procura do estabelecimento. Tendo esse cadastro, fica mais fácil de manter alerta as organizações públicas de saúde sobre as condições de sua clínica.

Se você já efetuou o cadastro e tem dúvidas de como consultar seu registro, seja para atualizar alguma informação que foi fornecida ou mesmo ter mais conhecimento sobre os benefícios que o CNES pode trazer, o método é bem simples.

Procedimentos feitos no momento da consulta

O cadastro e a consulta são totalmente on-line. Por isso, entre no site oficial do CNES e informe a localidade da sua clínica (cidade, município e estado). Quando houve o cadastro do estabelecimento, foi gerada uma numeração que é porta de entrada para o acesso aos dados oferecidos à organização. É importante que você tenha guardado esse número, pois é somente por ele que o acesso é liberado.

Com esse número, também veio um código de autenticação para reconhecimento da instituição pelo sistema on-line. Informando esses dois dados, você pode escolher qual tipo de consulta deseja ter: do estabelecimento ou dos profissionais, caso tenha efetuado o registro da equipe médica. No site do CNES, clique no ícone “Procurar” e o sistema detectará seu consultório a partir dos dados que você informou.

Havendo alguma alteração a ser feita nas informações disponibilizadas no requerimento, é necessário preencher o nome completo do usuário, a identificação pessoal ativa (CPF ou o CNS). Oferecendo todas essas referências, você pode conferir se o profissional da equipe médica está apto a trabalhar em sua clínica, se ele possui experiência para atuar na especialidade informada no momento do cadastro e outros dados importantes.

O uso do aplicativo do órgão para realizar consultas

Caso seu consultório seja de grande porte, há outra exclusividade. O aplicativo do CNES simplificado também oferece a consulta, tanto de pessoa física ou pessoa jurídica cadastrados e estabelecimentos que prestam serviços de grande porte, como consultórios isolados.

Para o órgão público vigente, um consultório isolado se entende como um espaço isolado (uma sala, por exemplo) que presta assistência médica ou odontológica ou de outros profissionais da saúde com ensino superior. Consultórios existentes no mesmo andar de um prédio são um exemplo desse conceito. Contudo, essa pesquisa no aplicativo ainda não está disponível para clínicas de pequeno e médio porte.

Prontuário Eletrônico GratuitoPowered by Rock Convert

Fontes de consulta alternativas

Outra fonte disponível para consultar o cadastro é via telefone. O órgão possui números disponíveis para cada região do país com profissionais específicos desse setor, que são responsáveis em guiar o profissional durante o processo de consulta. Como as secretarias trabalham em horário comercial, é bom ligar durante esse período. Somente a plataforma web possui serviço 24 horas.

Agora, se você prefere ir à própria sede, também não é problema. Cada região do país possui uma filial do CNES em cada secretaria de saúde. Dentro do setor, é possível realizar cadastramentos, consultar a numeração gerada no momento do registro e fazer alterações de algum dado informado durante o processo. De preferência, é bom manter atualizadas essas informações a cada seis meses para melhor trabalho e análise do órgão público.

A consulta do registro não é complicada. É simples e rápida. Entretanto, é sempre bom estar atento a cada eventualidade que ocorra a ponto de modificar qualquer dado no site. Trazendo um método de normatização mais claro e preciso, esse cadastro não só proporciona seguridade a toda equipe médica atuante na clínica, como também aos pacientes que a procuram.

Com fiscalizações sendo feitas com mais vigor, estar atualizado com todas as documentações para atuar em sua área é extremamente importante. Seja em aspectos gerenciais ou operacionais, esses sistemas irão lhe auxiliar em pontos chave no controle e na avaliação de todas as assistências que seu consultório precisará. Além de ser simplificado, o Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde facilita a correspondência da atuação de qualquer entidade médica, seja ela pública ou privada.

Trabalhe no firmamento dessas regularizações a fim de trazer mais confiabilidade ao público que você serve.

Mais do que papelada

Apesar de a preocupação com o CNES ser extremamente relevante e necessária, gerir um consultório vai muito além de documentações, números e burocracias: estar a frente de um empreendimento deste porte envolve muitas outras questões que não podem ser negligenciadas, como a gestão administrativa, estratégica e financeira do consultório.

Você precisa entender que está gerenciando um empreendimento que precisa de atenção estratégica e, portanto, o marketing deve fazer parte da sua visão de negócio. Além disso, o controle financeiro do consultório deve ser apurado para que você entenda claramente o retorno que está tendo sobre os investimentos que tem feito.

Lidar com tudo isso sozinho não é tarefa fácil, afinal, você ainda tem dezenas de atendimento por dia para realizar. É aí que entra a tecnologia: você pode usá-la para automatizar a maior parte das ações necessárias para uma boa gestão do consultório, controle financeiro,  marketing digital e relacionamento com o paciente.

Você sabia que existem softwares médicos extremamente eficazes que auxiliam na gestão do consultório e no relacionamento com os pacientes? E que, inclusive, podem ajudá-lo na parte estratégica e no marketing do consultório? Já pensou se, no seu software médico, além de gerenciar seus pacientes, você pudesse também criar e conduzir o seu próprio site e blog?

No iMedicina nós oferecemos essa possibilidade! Conheça nossa proposta visitando a nossa página e entenda melhor como informatizar o seu consultório e atrair novos pacientes!

Gostou desse artigo? Acesse nosso blog para ver esse e outros textos sobre o assunto e muito mais!

metodologia imedicinaPowered by Rock Convert

Deixe seu
comentário

Compartilhar

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on twitter
Share on linkedin

Assuntos
Mais Procurados

Clínicas Digitais | Conheça o Livro
iMedicina Software Gratuito - Conheça!

Ainda não encontrou
o que buscava?

Método iMedicina

O iMedicina é uma das 10 Maiores Empresas de Tecnologia da Área de Saúde do Brasil, segundo a Distrito.me

Auxiliamos Profissionais de saúde nos 3 Pilares Fundamentais que precisam para prosperar na carreira: