Minha clínica digital: principais ações de marketing online para ser mais conhecido

A internet é o presente e o futuro, por isso, o marketing digital não é mais apenas uma tendência, mas uma necessidade para qualquer empresa que queira posicionar a sua marca no mercado atual.

Isso vale tanto para clínicas quanto para consultórios médicos. Falar de saúde online é uma das formas mais eficazes de engajar os pacientes.

Por que investir em marketing digital?

Aos que ainda têm dúvidas sobre a importância de adotar esse tipo de estratégia, é possível citar alguns números:

  • Até 2019, estima-se que sejam gastos nada menos do que R$ 15 bilhões em mídias digitais;
  • O inbound marketing, que é praticado nos meios digitais, tem potencial de conversão de leads cerca de 50% maior do que o marketing tradicional. Isso significa mais que o dobro de chances de alguém que receber aquela mensagem se tornar cliente/paciente;
  • Mais de 50% das empresas existentes hoje já investem em marketing de conteúdo;
  • Quase 80% dos profissionais de marketing acreditam que o conteúdo personalizado é o futuro do segmento. Sabe-se que a internet é o melhor suporte para esse tipo de tática.

Se o digital está tão em alta, por que ele não se aplicaria à saúde online? Empregar a internet em favor da sua clínica pode trazer ótimos resultados. Veja a seguir alguns passos para fazer isso.

Como utilizar marketing online no segmento de saúde

A primeira dica para abordar a saúde online é fazer uma observação minuciosa e rigorosa no Código de Ética e nas determinações do Conselho Federal de Medicina. A divulgação de serviços de saúde tem algumas restrições que devem ser levadas em consideração. Caso contrário, a imagem da sua clínica será prejudicada, em vez de enaltecida.

Marketing de conteúdo

É impossível falar sobre saúde online sem mencionar o marketing de conteúdo. Essa é a primeira ação de marketing online em que você deve pensar, por uma razão muito simples: a temática a favorece.

É importante que o conteúdo seja segmentado. Por exemplo: se o seu consultório oferece atendimento pediátrico, é interessante falar sobre saúde online com foco nas crianças. Afinal, quem irá procurar o seu serviço são pais que precisam que seus filhos sejam atendidos.

Como divulgar esse conteúdo? Uma das alternativas é criar uma seção de “blog” dentro do website da clínica, onde os textos podem ser postados, sempre com uma periodicidade definida, para gerar expectativa.

Há quem poste os conteúdos diretamente nas redes sociais, mas o mais interessante é utilizá-las para conduzir o internauta ao site.

Tome cuidado com textos densos demais, que se tornam maçantes e reduzem as chances de leitura. Procure trabalhar com listas, intertítulos, gráficos, imagens e outros recursos que deixem o conteúdo de saúde online mais atraente.

Website profissional

Um website funciona como um cartão de visitas virtual para a sua clínica. Isso significa que ele é indispensável quando o assunto é saúde online e deve ser profissional.

Além de conter todas as informações de contato, o site deve apresentar quais são as especialidades/serviços prestados na clínica, dias e horários de funcionamento e quem são os profissionais que atendem (um breve currículo de cada um, nada muito técnico, funciona).

Apesar de precisar de recursos visuais, é importante que o website não fique pesado, pois a navegação deve ser fácil.

Lembre-se: hoje em dia, qualquer site deve ser responsivo, ou seja, do tipo que se adapta ao formato do dispositivo do usuário. Isso é essencial, considerando a quantidade de pessoas que acessa a internet pelo smartphone.

Redes sociais

A sua clínica precisa de um perfil nas principais redes sociais. Lá, além de colocar o link do website, também é possível compartilhar conteúdos interessantes de outras fontes, desde que sejam seguras.

Nesse tipo de plataforma, é preciso adotar uma linguagem mais cotidiana e incentivar o diálogo com os usuários, por meio dos comentários (ou seja: eles devem ser respondidos).

Aliás, a ideia de manter página institucionais nas redes é justamente essa, tornar a empresa (no caso, a clínica) mais acessível e aberta ao público.

Aplicativo

Outra possibilidade é desenvolver o seu próprio aplicativo de saúde online, contando com uma empresa especializada no segmento. Você pode disponibilizar a ferramenta para as pessoas agendarem consultas, por exemplo.

Marketing online e planejamento

Não pense que fazer marketing online é apenas encher site e redes sociais de informações. As ações exigem planejamento, assim como no marketing tradicional.

Cada estratégia deve ter um propósito e um público a ser atingido e os resultados devem ser mensurados. Esse último detalhe é fundamental: a mensuração é a melhor forma de saber se você está no caminho certo ou se é preciso mudar o procedimento.

Portanto, antes de ir para o computador, coloque as ideias no papel!

Gostou do artigo? Acompanhe o iMedicina Blog e saiba mais sobre saúde online e como potencializar o marketing do seu consultório médico por meio do agendamento eletrônico.

Conquiste pacientes fiéis e satisfeitos com cada detalhe da sua clínica!

Compartilhe este conteúdo:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Compartilhe este conteúdo:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Artigos relacionados

O que achou? Deixe seu comentário!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Já está de saída?

Junte-se a dezenas de milhares de Médicos e receba no seu email os melhores conteúdos sobre gestão, empreendedorismo e marketing em saúde.

Ao inscrever na nossa newsletter, você está autorizando o iMedicina a enviar conteúdos de seu interesse. Jamais fazemos spam! Confira nossa política de privacidade.

Junte-se a Dezenas de Milhares de Médicos

Receba no seu email os melhores conteúdos sobre gestão, empreendedorismo e marketing em saúde.