O que o iMedicina pode fazer pelas suas campanhas de Google Ads

Google Ads

É um hábito que chegou para ficar: sempre que queremos saber sobre um assunto ou encontrar algum estabelecimento, procuramos no Google. Logo, não é diferente na área da saúde, então, cada vez mais médicos apostam no Google Ads.

Não sabe o que isso significa? Trata-se dos anúncios do Google que, mesmo que seja publicidade, está totalmente de acordo com as diretrizes do Conselho Federal de Medicina (CFM).

Existem dois tipos de propagandas que são as mais adequadas para os médicos. A primeira é a chamada Rede de Display, que promove aqueles anúncios gráficos em diversos sites, seja nas laterais, topos, rodapés ou em qualquer outro local das páginas.

Contudo, esse tipo de publicidade não é tão eficiente. Afinal, é pouco provável que a pessoa que lê algo naquele site também procure por um médico de determinada especialidade em certa cidade da forma como será descrito no anúncio. Portanto, os resultados não serão tão eficazes.

Quer entender melhor sobre as campanhas no Google Ads? Continue a leitura e descubra!

Quais são os tipos ideais de anúncios?

O melhor tipo de Google Ads para médicos é a Rede de Pesquisa, que são os resultados que aparecem no topo das buscas (com o indicativo de “anúncio” ao lado).

Vamos a um exemplo: você é um cardiologista que atende em São Paulo e investe no Ads. Uma pessoa que pesquisa “cardiologista em São Paulo” encontrará nos primeiros lugares da busca o seu anúncio e, consequentemente, seu site e informações para marcar a consulta.

Dessa forma, o esforço em publicidade atua na chamada fase de atração e atinge um público que já está interessado no seu tipo de atendimento, mas que ainda não tomou a decisão final de qual médico consultar. Assim, a chance dessas pessoas se tornarem pacientes são ainda maiores. 

Afinal, basta apenas ter um site?

Muitas pessoas acham que promover anúncios no Google não é necessário e que é preciso apenas ter um site que, automaticamente, a página aparecerá nos resultados de pesquisa. Mas não é tão simples assim. 

Existe algo chamado SEO, sigla para Search Engine Optimization ou Otimização para Motores de Busca, em português. Trata-se das técnicas utilizadas nos textos e em todos os aspectos dos sites para que eles fiquem melhores ranqueados no Google, ou seja, nos primeiros lugares dos resultados.

Essas táticas são ótimas, mas os resultados são graduais e levam tempo. É preciso um trabalho contínuo para melhorar o ranqueamento. Portanto, associado ao SEO, é utilizado o Google Ads, em que é possível atrair a pessoa que busca por um médico e, em seguida, mostrar a ela todo o seu trabalho, a partir de um bom conteúdo. Assim, atingirá o objetivo, que é a marcação de uma consulta. 

Como criar estratégias no Google Ads?

Para o investimento não ser um desperdício, é necessário aplicar boas estratégias no Google Ads. Por isso, o mais recomendado é procurar especialistas em mídia, para que eles possam entender seus objetivos e mostrar o melhor caminho para alcançá-los.

Prontuário Eletrônico GratuitoPowered by Rock Convert

O iMedicina conta com uma equipe com vasta experiência na área. Já foram centenas de campanhas administradas e muito conhecimento para traçar as estratégias, além de revisões periódicas dos resultados e contato com o suporte do Google para resolver com agilidade os possíveis problemas que surgirem.

E são esses especialistas que ajudarão você a definir as palavras-chave de cada anúncio. Isto é, por meio de pesquisas, entenderão o que as pessoas estão buscando no Google e utilizarão esses termos na publicidade. 

Afinal, se você é um ortopedista que atende em Brasília, suas palavras-chave mais básicas serão “ortopedista” e “Brasília”. Não adianta utilizar termos vagos, como “médico no Distrito Federal”, pois os resultados serão ruins. 

Além disso, o trabalho não acaba depois de criar o anúncio e colocá-lo no ar. É preciso, ainda, saber analisar bem os relatórios de desempenho oferecidos pelo Google, como os dados de  quantidade de vezes que o link foi acessado. 

Nesse sentido, os especialistas em mídia conseguem entender se os resultados são satisfatórios ou não, descobrem o que fazer para melhorá-los e têm ideias para novas campanhas. 

Mudar a estratégia também é importante

Uma estratégia de Google Ads não deve ser eterna. Como já mencionado, é com a análise dos relatórios que a pessoa treinada para isso saberá o que melhorar e quando melhorar. Assim, é possível investir mais naquela campanha, mudar algum ponto — otimizar os termos técnicos — ou, até mesmo, interromper o anúncio, caso seja preciso.

Mas cada uma dessas ações precisa ser muito bem pensada. Até o Google recomenda uma espera de duas semanas, depois de lançar a publicidade, para modificar algo nela. Com isso, o especialista terá uma visão aprofundada sobre os resultados e a mudança na estratégia será mais certeira. 

Depois do clique no Google Ads

O trabalho ainda não terminou: é preciso ter um site médico por trás do anúncio. É nessa página que você explicará sobre a especialidade, mostrar a sua formação profissional e  oferecerá conteúdos úteis para o paciente, entre outras ações que aumentarão a sua credibilidade como médico.

No entanto, todos os detalhes da página também devem ser de qualidade. Por isso, o iMedicina conta com equipes para a criação de site médico personalizado e de marketing de conteúdo, que envolvem os textos com assuntos relevantes para o seu público. 

Outra ação essencial é a configuração do Google Meu Negócio, que não é pago, mas também precisa de cuidado. Trata-se de colocar o seu consultório médico ou clínica no radar do Google, ou seja, quando uma pessoa pesquisar, ela encontrará a localização, telefone e horários de funcionamento, além de poder mandar perguntas e comentários. 

Mais uma tática interessante para aplicar no site é oferecer a possibilidade de agendamento online de consultas. Com isso, o paciente terá praticidade para, depois de conhecer o seu trabalho, entrar na etapa mais esperada pelos médicos, a marcação do atendimento.

Com essas estratégias, será possível conduzir o paciente em todas as fases da jornada até o seu consultório: atraindo pelo Google Ads, encantando com os conteúdos no site e, finalmente, agendando um horário. Tudo para, consequentemente, aumentar os seus rendimentos. 

Quer saber mais sobre como o iMedicina pode ajudar a construir a estratégia de marketing médico do seu consultório? Fale com um consultor e tire as suas dúvidas.

metodologia imedicinaPowered by Rock Convert

Deixe seu
comentário

Compartilhar

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on twitter
Share on linkedin

Assuntos
Mais Procurados

Clínicas Digitais | Conheça o Livro
iMedicina Software Gratuito - Conheça!

Ainda não encontrou
o que buscava?

Método iMedicina

O iMedicina é uma das 10 Maiores Empresas de Tecnologia da Área de Saúde do Brasil, segundo a Distrito.me

Auxiliamos Profissionais de saúde nos 3 Pilares Fundamentais que precisam para prosperar na carreira: