5 critérios utilizados por paciente para escolher um médico

médico

Por muito tempo, era assim que os pacientes faziam para escolher um médico: tomando decisões com base em informações mínimas da opinião de um amigo ou do caderninho do convênio. Não havia muito esclarecimento nem preocupação com qualidade do serviço e do espaço, por exemplo.

Diferentemente de 10 anos atrás, os pacientes de hoje, mais digitais, esperam que a correspondência com um novo médico seja online, informativa e fácil. E, assim como as pessoas agora pesquisam na internet um local antes de sair para jantar, se faz o mesmo ao buscar por algum serviço de saúde.

Certas características como a formação do médico, se é confiável, se tem um bom relacionamento com os pacientes etc. são fundamentais para formar uma boa opinião e prosseguir com a marcação da consulta.

Os critérios para escolher um médico mudaram! Entenda melhor os pontos que realmente fazem a diferença!

1. Autoridade online do médico

A autoridade online é um pré-requisito para ser encontrado no ambiente virtual e exercer boa influência em quem está procurando pelo profissional. Por isso, pode ser uma boa ideia investir em conquistá-la.

Perfis médicos com autoridade na internet prospectam e fidelizam mais pacientes ao longo do tempo porque conseguem passar mais confiança através de seus conteúdos, se tornando verdadeiras referências em suas áreas de atuação

A maioria dos pacientes pesquisam informações sobre saúde online e, assim, iniciam o processo de tomada de decisão.

É nesse sentido, então, que se torna tão importante o investimento em estratégias de marketing médico.

2. Confiabilidade do médico

A confiabilidade é considerada uma das características mais importantes em um médico.

Mas como um paciente pode realmente saber se um médico é considerado de confiança antes de conhecê-lo?

Nesse caso, o poder das recomendações não pode ser subestimado. Costumava ser o caso do boca a boca – quando família ou amigos dizem que você DEVE ver tal médico porque ele é o MELHOR.

Agora, é claro, os médicos favoritos de outras pessoas e suas opiniões sobre eles são reunidos online.

Além disso, conhecimento e informações acessíveis geram confiabilidade! Por exemplo, você não pode ser uma autoridade se não for um especialista no assunto, certo?

3. Facilidade de acesso ao médico

Sem surpresas, a localização é um fator chave na escolha de um novo médico! As pessoas ainda prezam pelo profissional que está mais próximo de casa ou do trabalho.

Para os pacientes, é importante que o médico seja acessível! Por isso, uma dica é direcionar suas estratégias de marketing para um público local, uma vez que são mais prováveis de trazer resultados!

O Google Ads tem filtros de personalização por localidade, o que é interessante de se explorar nos anúncios patrocinados para garantir a efetividade das campanhas!

Outra forma de combater a dificuldade de acesso é oferecer serviços de telemedicina! Assim, o paciente pode ser atendido onde estiver e fazer o acompanhamento pessoal apenas quando precisar.

4. Infraestrutura

Nada como um ambiente organizado e aconchegante para recepcionar seus pacientes!

Sabia que a infraestrutura e design do consultório influencia bastante no bem-estar e até evita o estresse causado pela demora na recepção? E, não só enquanto ele aguarda, mas também no momento em que está sendo atendido!

Prontuário Eletrônico Gratuito

Não adianta nada um atendimento de qualidade se o espaço não passa uma impressão profissional e de zelo.

Acredite, o cuidado estético fará com que seu paciente se sinta confortável e respeitado, por isso conta muito na hora de escolher um profissional – e de retornar!

5. Atendimento personalizado

Hoje em dia, as pessoas priorizam experiências personalizadas! Nada genérico é bom.

Elas querem ser atendidas e compreendidas em suas especificidades, o que ajudará a resolver efetivamente seus problemas.

Por esse motivo, médicos que investem em soluções personalizadas tendem a ser mais procurados e escolhidos!

Atender ao paciente de maneira exclusiva é uma forma de demonstrar atenção e cuidado.

Assim, o paciente se sente importante e mais confiante sobre o tratamento e sua eficácia.

Boas práticas para ser o médico escolhido

Se você garantir que sua estratégia de atração esteja impactando pessoas em todas as fases da Jornada do Paciente, você conseguirá mais contatos e, possivelmente, fidelizará mais pessoas.

Isso inclui trabalhar em sua classificação nos resultados de pesquisa nos buscadores da internet e garantir que sua presença digital seja bem estruturada – e que dê aos pacientes uma visão positiva da sua persona profissional.

Dependendo do seu orçamento, uma estratégia de marketing médico abrangente pode incluir publicidade online, marketing de busca local e links patrocinados, por exemplo.

Construir sua presença digital e criar anúncios online para alavancar seus resultados garantirá que seus serviços apareçam quando os pacientes o procurarem.

Enquanto isso, o marketing de avaliação permite que você destaque o que há de bom sobre sua prática por meio da validação de outros pacientes.

Ainda, é preciso garantir que seus pacientes tenham uma experiência diferenciada em cada ponto de comunicação e envolvimento com o consultório. Isso se estende desde antes de marcar a consulta, até a experiência de atendimento e pós-consulta.

Afinal, o que tudo isso significa?

Isso nos diz que os médicos que mantém sua estratégia digital bem organizada são mais encontrados por quem busca aquele serviço, pois a jornada dos pacientes digitais começa no ambiente virtual.

Embora a ideia de fazer publicidade online possa parecer intimidante, a maior parte dos canais digitais são intuitivos e fáceis de configurar.

Para os médicos, tornar-se visto na web deve ser uma prioridade na nova busca por se destacar dos concorrentes.

Se não souber por onde começar, conte com o auxílio de empresas especialistas em marketing médico! Eles vão guiar toda estratégia digital, minimizando o seu esforço.

Considerações finais

Como você pode ver, os pacientes usam vários critérios de qualificação para escolher um médico. Conhecer os requisitos e a jornada do paciente do paciente é essencial para seguir contruindo resultados sustentáveis para o negócio!

Quer saber mais sobre o assunto? Continue navegando pelo blog iMedicina!

metodologia imedicina

Deixe seu
comentário

Compartilhar

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on twitter
Share on linkedin

Assuntos
Mais Procurados

Clínicas Digitais | Conheça o Livro
iMedicina Software Gratuito - Conheça!

Ainda não encontrou
o que buscava?

Método iMedicina

O iMedicina é uma das 10 Maiores Empresas de Tecnologia da Área de Saúde do Brasil, segundo a Distrito.me

Auxiliamos Profissionais de saúde nos 3 Pilares Fundamentais que precisam para prosperar na carreira: