3 tipos de prontuário eletrônico

prontuário eletrônico

Você quer mais segurança, praticidade, economia e facilidade no consultório? O prontuário eletrônico é uma ferramenta que permite armazenar, controlar e organizar as informações do paciente de forma totalmente digital.

Esse acervo de informações virtuais otimiza o atendimento, pois todos os dados ficam disponíveis em um só local, com acesso mais rápido e visualização estruturada.

Existe mais de um tipo de prontuário eletrônico. Vamos ver, neste artigo, quais são esses tipos, as diferenças e as vantagens e desvantagens de cada um deles.

Está curioso? Então leia até o final e saiba mais sobre as características de cada modelo!

O que é prontuário eletrônico?

O Prontuário Eletrônico é o documento que o profissional acessa através de um software médico para registrar todas as informações do seu paciente durante a consulta. Com o apoio da tecnologia, esse prontuário pode ser armazenado em nuvem ou, se preferir, apenas instalado direto no equipamento do consultório.

Essas são opções para os médicos que entendem a necessidade de um consultório online e se preocupam em crescer aliados à boa tecnologia. Com anotações em papel, os registros dos pacientes e da gestão ficam desordenados, ocupam espaço e carecem de manutenção constante para se manterem organizados e em bom estado.

Além de melhorar gestão dos dados, o prontuário eletrônico é mais seguro. Apenas a equipe médica tem acesso, que é protegido por login e senha. Os sistemas ainda cumprirem protocolos de segurança rigorosos para o armazenamento de dados digitais.

Os melhores softwares médicos conseguem integrar o prontuário com ferramentas imprescindíveis para otimizar a consulta e o tempo da equipe do consultório, como prescrição digital, agendamento online, plataforma de telemedicina, controle financeiro e automações de marketing.

Prontuário eletrônico x prontuário tradicional

Os pacientes passam por muitos atendimentos e em todos eles é necessário o preenchimento das informações que fazem parte do seu histórico clínico. Vamos ver as diferenças entre o formato eletrônico e o de papel.

Prontuário de Papel

O prontuário de papel é o modelo mais utilizado, pois não requer qualquer tipo de infraestrutura online.

No entanto, por mais simples que seja, ele não garante a segurança dos dados e pode acabar virando um amontado de informações desorganizadas. Além é claro, de utilizar muito espaço físico e demandar manutenção do local para que não haja deterioração dos arquivos.

Outro ponto que torna esse tipo de prontuário obsoleto é a falta de acessibilidade. Com prontuários em papel fica inviável atender o paciente em local divergente do consultório, sem precisar deslocar os arquivos físicos do seu histórico médico. Esse problema dá prerrogativa ao extravio de documentos, podendo trazer consequências sérias ao médico.

Prontuário Eletrônico

Diferente do prontuário tradicional, as principais vantagens do prontuário eletrônico são, justamente, a praticidade e acessibilidade que os formatos digitais oferecem. Quando armazenados em nuvem, os dados ficam acessíveis onde o profissional estiver, basta ter uma conexão com a internet.

Prontuário Eletrônico GratuitoPowered by Rock Convert

A organização com esses sistemas também é mais ágil, uma vez que o perfil digital do paciente contém todos os registros em estruturas que facilitam a visualização e a busca por informações.

É possível ter dezenas de documentos arquivados em um só lugar e ter acesso rápido quando precisar. Segurança, rapidez e mobilidade são pontes fortes que tornam esse tipo de prontuário uma realidade nas clínicas e consultórios.

Mas, não são todas as opções de softwares de prontuários que oferecem tanta acessibilidade. Entenda melhor, a seguir.

Tipos de prontuários eletrônicos e suas vantagens e desvantagens

Existem três tipos de prontuários eletrônicos que podem ser utilizados no dia a dia do consultório. Saiba quais são e as suas vantagens e desvantagens.

Prontuário eletrônico na nuvem

É o tipo de prontuário mais utilizado pelos profissionais da saúde, pois os dados são todos armazenados na internet e herdam a segurança do servidor, que dificulta o acesso por terceiros e o vazamento de informações.

Vantagens

  • backups periódicos;
  • segurança dos dados, com protocolo HTTPs, criptografia e acesso segmentado de acordo com as funções de cada um no consultório;
  • grande espaço de armazenagem;
  • acessibilidade, podem ser acessados de qualquer lugar com internet;
  • mobilidade, podem ser acessados de computadores, tablets e celulares;
  • não precisam de técnicos locais para instalação;
  • atualizações de melhoria feitas de forma remota, sem interromper o uso local do sistema.

Desvantagens

  • necessita de internet para acessar;
  • precisam de treinamento rápido;
  • alguns modelos requerem investimento.

Prontuário eletrônico de dados local

É o tipo de prontuário que utiliza uma rede local para acesso do serviço. Esses sistemas são instalados na própria máquina e só dão acesso àqueles que utilizam aquela máquina especifica.

Vantagens

  • acesso de forma offline

Desvantagens

  • precisa de mais investimento na infraestrutura de internet do seu consultório, pois a segurança fica mais vulnerável nesse tipo de sistema;
  • baixa velocidade de acesso;
  • necessidade de um técnico para instalação e atualização do sistema;
  • ficam obsoletos mais rapidamente;
  • necessitam de licença para uso;
  • não tem mobilidade e acessibilidade.

Prontuário eletrônico híbrido

É o tipo de prontuário que usa uma base local para armazenar os dados na nuvem. Portanto, nesse tipo os dados ficam armazenados em cada máquina com acesso à internet, não precisando de servidores.

É um tipo mais complexo, mas é ideal para quem necessita dos serviços sem depender da internet.

  • Vantagens: dados com fácil acesso em cada máquina, armazenamento seguro e confiabilidade.
  • Desvantagens: sistema complexo que demanda maior investimento e treinamento.

Como escolher a melhor opção

Saber escolher o tipo de prontuário eletrônico ideal para o seu dia a dia te poupa do retrabalho e dor de cabeça com a digitalização do consultório. Para isso, avaliar alguns critérios na hora de fazer a escolha é essencial.

Veja o que avaliar antes de implantar o seu prontuário eletrônico:

  • Possibilidade de personalização;
  • Suporte da equipe de software que disponibiliza o prontuário;
  • Integração com outros recursos;
  • Segurança dos dados;
  • Verificar se o prontuário é compatível para ser acessado por dispositivos móveis.

A escolha da melhor alternativa é aquela que melhor se ajusta ao seu modelo de serviço, portanto faça uma minuciosa avaliação e estude as possibilidades.

E, por fim, faça testes de uso antes de adquirir a modalidade paga. Empresas como o iMedicina oferecem um excelente software médico gratuito. É possível testar a usabilidade do sistema e ir crescendo conforme a necessidade do consultório.

Continue navegando no blog e saiba mais sobre esse e outros assuntos importantes para seu consultório.

metodologia imedicinaPowered by Rock Convert

Deixe seu
comentário

Compartilhar

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on twitter
Share on linkedin

Assuntos
Mais Procurados

Clínicas Digitais | Conheça o Livro
iMedicina Software Gratuito - Conheça!

Ainda não encontrou
o que buscava?

Método iMedicina

O iMedicina é uma das 10 Maiores Empresas de Tecnologia da Área de Saúde do Brasil, segundo a Distrito.me

Auxiliamos Profissionais de saúde nos 3 Pilares Fundamentais que precisam para prosperar na carreira:

  • 1) Atração de pacientes
  • 2) Atendimento com Eficiência e Tecnologia
  • 3) Relacionamento e fidelização

Já está de saída?

Junte-se a dezenas de milhares de Médicos e receba no seu email os melhores conteúdos sobre gestão, empreendedorismo e marketing em saúde.

Ao inscrever na nossa newsletter, você está autorizando o iMedicina a enviar conteúdos de seu interesse. Jamais fazemos spam! Confira nossa política de privacidade.