Consulta de retorno pela Telemedicina: quais são os benefícios?

telemedicina

A telemedicina é uma das principais inovações da área médica dos últimos anos. Essa modalidade pode ser utilizada em quase todos os tipos de atendimentos, inclusive, nas consultas de retorno.

Neste artigo, você vai conhecer um pouco mais sobre o funcionamento desse recurso e descobrir os benefícios que traz tanto para os pacientes, quanto para os profissionais de saúde.

Entenda mais sobre a telemedicina

A telemedicina é uma forma de prestar assistência médica à distância, por meio de comunicação eletrônica e plataformas próprias para esse uso. Nesse conceito, o paciente recebe o atendimento através do seu computador ou smartphone, sem precisar sair de casa.

Existem diversas divergências sobre a origem da telemedicina. Por isso, a invenção do estetoscópio eletrônico, em 1910, é considerado o primeiro uso da telemedicina no mundo. A partir dos anos 90, com o surgimento das linhas de transmissão de dados, o atendimento médico à distância se tornou uma realidade.

Ademais, a telemedicina já é um recurso regulamentado e comum em vários países, tais como, EUA, China e Índia. No Brasil, o processo foi um pouco mais lento e a primeira normatização das ferramentas de telemedicina  surgiu apenas no ano de 2002.

Dentre outras coisas, a resolução CFM nº 1.643/2002 autoriza o atendimento médico remoto para fins de telediagnóstico, teleconsultoria e teleducação. No entanto, com a pandemia do novo Coronavírus e a necessidade de isolamento social, a aplicação desse recurso se tornou mais abrangente.

Isso porque o Ministério da Saúde promulgou a portaria nº 467/20, de caráter excepcional e temporário. Entre outras coisas, ela permite o atendimento médico por telemedicina para diferentes especialistas e profissionais de saúde.

Como a telemedicina pode ser utilizada nas consultas de retorno?

Segundo a resolução n.º 1.958/2010 do Conselho Federal de Medicina (CFM), o ato da consulta médica é constituído por anamnese, exame físico, elaboração de hipóteses ou conclusões diagnósticas, solicitação de exames complementares e prescrição terapêutica.

Quando houver de apreciar resultados de exames que não estavam disponíveis no atendimento inicial, o ato médico deve continuar em um segundo encontro, sendo chamado de consulta de retorno.

Além disso, essa resolução prevê que, as consultas de retorno não geram cobrança de honorários para os pacientes. Porém, apenas nos casos em que não é necessária uma nova anamnese e não haja novas queixas.

Por essas razões e, a fim de evitar o deslocamento do paciente, agilizar o atendimento e otimizar o uso dos recursos e do tempo, a telemedicina é vista como uma excelente alternativa para realizar essas consultas de retorno.

Isso porque são atendimentos que não exigem o exame físico do paciente. Além disso, o profissional de saúde pode receber todos os resultados e laudos de exames direto do laboratório ou através da internet.

Com isso, você aumenta a experiência do paciente, que recebe essa comodidade de ser atendido de onde estiver; faz bom uso do seu tempo e abre espaços na sua agenda para consultas com novos pacientes, uma vez que atendimentos remotos tendem a ser mais rápidos.

Quais os principais benefícios da telemedicina?

Agora que você conheceu as possibilidades de aplicação da telemedicina nos atendimentos de retorno, precisamos falar sobre as vantagens trazidas por esse recurso. Então, conheça a seguir os principais benefícios da telemedicina.

Atendimento mais ágil com telemedicina

Na maioria dos casos, as consultas de retorno levam menos tempo do que as primeiras consultas. Isso porque são atendimentos que destinam-se a analisar resultados de exames para confirmar um diagnóstico ou avaliar a eficácia de um tratamento.

Porém, é comum que haja um longo tempo de espera do paciente para a marcação dessa segunda consulta, o que pode gerar insatisfação. Em alguns casos, ele pode desistir e procurar outro profissional.

Neste sentido, o atendimento por telemedicina traz maior agilidade tanto para o paciente quanto para o médico, pois, podem realizar as consultas de qualquer lugar e imediatamente após os resultados dos exames estarem prontos.

O paciente não precisa se deslocar até o consultório

Os atendimentos de retorno não geram custos para o paciente, pois, já estão previstos no pagamento da primeira consulta médica. Entretanto, o simples deslocamento dele até o consultório já trará algum tipo de despesa, tais como, estacionamento, transporte público, combustível, etc.

Ademais, o paciente também está suscetível aos imprevistos, aos atrasos, à necessidade de aguardar o atendimento, entre outros. Por isso, a assistência médica remota é considerada uma excelente alternativa.

Com as consultas por telemedicina, o atendimento médico é feito de qualquer lugar. Para isso, basta apenas portar um dispositivo eletrônico com uma boa conexão à internet.

Dessa forma, você não gera nenhum tipo de despesa para o paciente, otimiza o seu tempo e o dele e presta um atendimento de qualidade, aumentando consideravelmente a satisfação dele com o seu serviço.

Poupa tempo da secretária

No dia-a-dia de um consultório médico, as secretárias recebem muitas demandas, tais como, atendimento de inúmeras ligações, realizar pagamentos das consultas e gerir a agenda. Assim, nem sempre conseguem dedicar o tempo necessário aos pacientes que estão na sala de espera.

Ainda, essa rotina é ainda mais complexa quando o consultório não possui um prontuário eletrônico, que trazem agilidade e praticidade para as tarefas desempenhadas por toda aa equipe.

Com o atendimento remoto, a demanda das secretárias tende a diminuir, pois o agendamento pode ser realizado online, assim como o cadastro do paciente. Além disso, a consulta não demanda nenhuma atuação dela, permitindo que elas tenham mais tempo para lidar com os pacientes que estão no consultório.

Melhora a percepção sobre a organização do consultório

Geralmente, a sala de espera de um consultório médico é o ambiente que gera mais insatisfação para o paciente, pois, além de normalmente estarem lotadas, nem sempre o local oferece algum tipo de distração, como televisão, Wi-Fi, cafeteria ou água.

Neste sentido, realizar as consultas de retorno através de uma plataforma de telemedicina reduz a quantidade de atendimentos presenciais. Em consequência disso, a sala de espera tende a fica mais vazia, melhorando a percepção dos pacientes sobre a organização do consultório.

Enfim, a telemedicina é uma nova modalidade de atendimento médico que veio para ficar, principalmente, em razão dos benefícios que traz tanto para o profissional de saúde e seus colaboradores quanto para os pacientes.

Portanto, se você busca otimizar o seu tempo e melhorar a satisfação das pessoas com o seu trabalho, considere a realização das consultas de retorno por telemedicina. Além de proporcionais agilidade à consulta, pode ajudar a atrair e fidelizar ainda mais pacientes.

Quer saber mais sobre o assunto? Leia esse Guia Completo da Telemedicina, é gratuito!

Deixe seu
comentário

Compartilhar

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on twitter
Share on linkedin

Assuntos
Mais Procurados

Clínicas Digitais | Conheça o Livro
iMedicina Software Gratuito - Conheça!

Ainda não encontrou
o que buscava?

Método iMedicina

O iMedicina é uma das 10 Maiores Empresas de Tecnologia da Área de Saúde do Brasil, segundo a Distrito.me

Auxiliamos Profissionais de saúde nos 3 Pilares Fundamentais que precisam para prosperar na carreira: