Fisioterapia no esporte: conheça a área

fisioterapia

Um dos pilares da medicina do esporte, o objetivo da fisioterapia esportiva é a reabilitação, a prevenção e a atenção aos atletas profissionais e amadores. Ela está cada vez mais presente no dia a dia dos clubes, times e competidores, já que todo atleta, principalmente aquele de alto rendimento, que treina com frequência e de forma intensa, pode sofrer lesões. E as chances do surgimento de lesões são ainda maiores quando não há uma preparação física correta.

A fisioterapia esportiva busca atender as necessidades dos atletas e considerar as demandas funcionais para que ele volte aos treinos, além de tratar suas deficiências específicas. O tratamento feito pelo fisioterapeuta na reabilitação do paciente tem alguns objetivos principais:

• Eliminar a dor;
• Recuperar flexibilidade, estabilidade e força muscular na área lesionada;
• Permitir que o atleta volte à prática esportiva o quanto antes, mas de forma segura e gradual, respeitando os limites fisiológicos e clínicos observados após a lesão;
• Minimizar efeitos do envelhecimento natural na qualidade de vida e na capacidade muscular do paciente;
• Garantir que as atividades físicas sejam realizadas sem sintomas ou riscos;
• Prevenir que novas áreas sejam lesionadas e o retorno de sintomas de lesões anteriores.

Tratamentos que a fisioterapia oferece

Um fisioterapeuta esportivo dispõe de diversos recursos para realizar o tratamento dos seus pacientes, variando de acordo com o local lesionado, o tipo da lesão e até mesmo considerando as necessidades de cada atleta de acordo com a modalidade que pratica. Alguns dos tratamentos mais usados são:

• Terapia manual;
• Massoterapia;
• Eletroterapia;
• Treino funcional;
• Bandagem funcional;
• Musculação;
• Pilates.

Fisioterapia e lesões

Embora ninguém as deseje, lesões fazem parte da vida de um atleta. É preciso então tratá-las de forma adequada e fazer um trabalho sério de prevenção para evitar o aparecimento de novas lesões e o retorno de antigas.

Costuma ter origem em traumas ou excesso de trabalho da musculatura, que afeta músculos, tendões e estruturas ósseas da área lesionada. Entorses, fraturas, contusões, distensões, luxações, cãibras e tendinites são as lesões mais comuns em quem pratica esportes. O fisioterapeuta esportivo também é imprescindível no tratamento de lesões menores logo no início para que elas não evoluam para lesões graves, que possam prejudicar a carreira do paciente/atleta.

A fisioterapia como prevenção hoje é bastante valorizada, principalmente no futebol, mas também em esportes que reconhecidamente exigem muito do corpo, como a ginástica olímpica. Esse campo trabalha com a realização de exercícios de fortalecimento, preparo muscular e correção de exercícios de flexibilidade e alongamento.

Sabendo que a maioria das lesões esportivas são resultado de treinos exagerados e do descaso com a prática, a fisioterapia também visa controlar a intensidade dos treinamentos; definir uma dieta equilibrada e que respeite as necessidades físicas do atleta e da modalidade; garantir a hidratação em todas as fases dos treinos (antes, durante e depois), realizando a reposição adequada dos eletrólitos perdidos na transpiração; e garantir que os calçados utilizados sejam adequados para o esporte praticado.

É muito importante entender que, atualmente, para garantir seu espaço no mercado, o profissional de fisioterapia deve estar sempre atualizado e investindo em ações que aumentem a visibilidade de sua clínica ou consultório, através de uma estratégia de marketing e de um bom atendimento e relacionamento com o paciente.

 

Você sabia que existem softwares médicos extremamente eficazes que auxiliam na gestão do consultório de fisioterapia e dos pacientes? E que, inclusive, podem ajudá-lo na parte estratégica e no marketing do consultório? Já pensou se, no seu software médico, além de gerenciar seus pacientes, você pudesse também criar e conduzir o seu próprio site e blog?

No iMedicina nós oferecemos essa possibilidade! Conheça nossa proposta visitando a nossa página e entenda melhor como informatizar o seu consultório de fisioterapia e atrair novos pacientes!

Gosto do texto? Então leia outros artigos do nosso blog!

Compartilhe este conteúdo:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Compartilhe este conteúdo:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Artigos relacionados

O que achou? Deixe seu comentário!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Já está de saída?

Junte-se a dezenas de milhares de Médicos e receba no seu email os melhores conteúdos sobre gestão, empreendedorismo e marketing em saúde.

Ao inscrever na nossa newsletter, você está autorizando o iMedicina a enviar conteúdos de seu interesse. Jamais fazemos spam! Confira nossa política de privacidade.

Junte-se a Dezenas de Milhares de Médicos

Receba no seu email os melhores conteúdos sobre gestão, empreendedorismo e marketing em saúde.