E-mail marketing no consultório: como ele pode ser utilizado

e-mail marketing no consultório

Muita gente ainda duvida do e-mail marketing. Por isso, achamos importante trazer alguns dados que refletem o poder dessa ferramenta ainda nos dias atuais. Pasme: 99% das pessoas olham seus e-mails diariamente! Em geral, a primeira ação de um usuário, ao acordar, é olhar sua caixa de entrada.  

Por isso, a maior taxa de abertura de e-mails ocorre durante as primeiras horas do dia, em torno das 5 h ou 6 h da manhã. Quem afirma isso é uma das maiores empresas de CRM (Customer Relationship Management) do mundo, o Hubspot. 

Por outro lado, devido ao uso crescente da ferramenta como peça-chave de estratégias de marketing, nossas caixas de mensagens têm se tornado cada dia mais lotadas.

Assim, é essencial chamar a atenção do seu público de forma correta. Até porque, se o seu e-mail for realmente útil, é claro que ele será visto! Por isso, nunca utilize listas de e-mail compradas para disparar mensagens para quem nunca ouviu falar sobre você. Esse é o maior pecado cometido no uso dessa importante ferramenta. Portanto, não a desperdice!

O que é necessário para criar uma estratégia infalível de e-mail marketing no consultório?

É preciso um pouco de empenho ao se planejar uma estratégia de marketing utilizando o e-mail. É indispensável, inclusive, que você tenha uma ferramenta de automação de e-mails! Esse tipo de plataforma possibilita:

  • criar e-mails mais interessantes;
  • fazer fluxos de nutrição, para aumentar o engajamento com pacientes específicos;
  • analisar métricas de abertura dos e-mails enviados;
  • estreitar seu relacionamento com pacientes;
  • enviar lembretes de consulta;
  • enviar felicitações de aniversário;
  • educar cada paciente sobre doenças, dentre outras possibilidades.

Vamos entender como criar as melhores campanhas de e-mail, a seguir.

Criando campanhas infalíveis de e-mail marketing no consultório

O primeiro passo para a criação da sua campanha de e-mail marketing é se perguntar o objetivo dela. Qual é o objetivo do e-mail? Qual a intenção da campanha? Com a resposta em mente, você irá para a próxima etapa: escolher o tipo de e-mail a ser enviado. Existem diferentes categorias deles, como:

  • newsletter;
  • fluxo de nutrição de leads;
  • e-mail de confirmação;
  • boas-vindas;
  • envio de recompensas, dentre outras possibilidades.

Vamos entender cada um desses tipos de e-mails.

Newsletter

Enviar newsletters é uma excelente forma de trazer mais tráfego para o seu site médico. Se você disponibiliza conteúdos na sua página, como artigos sobre saúde, é interessante enviar uma chamada com os últimos conteúdos postados. 

E-mails de confirmação

Os e-mails de confirmação são mensagens simples e objetivas. É apenas uma confirmação de uma ação realizada pelo usuário, como a confirmação de cadastro em um evento.

E-mail marketing no consultório com mensagem de boas-vindas

Os e-mails de boas-vindas têm o objetivo de agradecer e fornecer mais informações às pessoas que se inscreveram pela primeira vez na sua newsletter, por exemplo. Você recebeu um novo agendamento online? Então, envie uma mensagem curta de agradecimento pela preferência!

Este tipo de e-mail é ideal para dar informações importantes sobre o passo a passo da consulta que será realizada, como data, horário e localização do seu consultório. Além disso, você pode aproveitar para dar informações sobre meios de transporte para se chegar até você. 

Informe sobre as facilidades da sua clínica, como estacionamento gratuito, ou estacionamentos próximos. Imagine como seu novo paciente se sentirá encantado ao receber todas essas orientações.

Prontuário Eletrônico GratuitoPowered by Rock Convert

Envio de recompensas

Este tipo de automação de e-mail marketing é utilizado para a entrega de produtos virtuais. Por exemplo, você pode disponibilizar e-books, cursos online ou outros materiais para download. O usuário o recebe após preencher um formulário no seu site.

Depois do cadastro, ele recebe um e-mail com a recompensa por ter fornecido seus dados, que serão guardados no sistema de CRM, ou software médico que possui ferramentas para relacionamento com pacientes, como o iMedicina.

O interessante em disponibilizar materiais para download é que você pode criar uma base de contatos de potenciais pacientes. Por isso, se você realmente espera ser reconhecido, primeiro, é necessário oferecer algo valioso, porém, gratuito! 

Um e-book criado por um endocrinologista com dicas sobre alimentos que ajudam no emagrecimento, ou com receitas doces para diabéticos, pode ser muito bem recebido por seus futuros pacientes. 

Crie um fluxo de nutrição 

Um fluxo de nutrição é uma sequência de emails enviados para um segmento da sua base de emails, com um objetivo específico. Essa sequência sempre começará a partir de uma ação, como baixar um material do seu site, ou mesmo abrir determinado e-mail.

A partir disso, recebe-se uma sequência de emails, que é disparada automaticamente, sempre pensando em levar o leitor ao objetivo pré-determinado. 

Portanto, é muito importante que você defina qual é o seu objetivo desse fluxo, antes de começar a montá-lo. Por exemplo, um paciente entra no seu consultório e descobre que tem diabetes. Como você é um endocrinologista, você possui um fluxo de nutrição específico para pacientes com diabetes. 

Assim, todos recebem um e-mail já programado por você no software da sua preferência. Com isso, dois dias após a consulta, seu paciente recebe um e-mail com um artigo sobre os principais passos para iniciar os cuidados com o diabetes.

Uma semana depois, ele recebe outro e-mail com outro artigo, explicando sobre os principais sintomas e tratamentos para a doença. Deu para entender? Essa é apenas uma das possibilidades inerentes ao fluxo de nutrição.

No entanto, antes de criar este fluxo de e-mails, é importante segmentar seus pacientes por tipos de doença, sintomas, tratamentos, gênero, idade, dentre outras possibilidades. Assim, seus e-mails serão direcionados aos leitores certos e terão mais assertividade. 

Segmentando sua lista de e-mails

A segmentação é feita dividindo-se sua lista de e-mails em subcategorias, ou listas menores, que pertencem às características, interesses e preferências exclusivos de seus assinantes ou pacientes. 

Esta é uma etapa vital para as campanhas de e-mail marketing infalíveis. Imagine como é desagradável receber conteúdo inadequado ou que não tem nada a ver com você. No software iMedicina, por exemplo, você pode segmentar seus contatos utilizando tags.

Cada contato criado em nosso sistema pode receber uma tag, como “diabetes”, “obesidade”, dentre outras possibilidades. Assim, cada paciente terá uma categorização, que poderá ser utilizada ao enviar suas campanhas de e-mail dentro do nosso sistema. 

Viu como o e-mail marketing é uma arma extremamente poderosa? Não deixe de baixar o Guia do E-mail Marketing para Clínicas e Consultórios e entenda o passo a passo de uma estratégia completa!

metodologia imedicinaPowered by Rock Convert

Deixe seu
comentário

Compartilhar

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on twitter
Share on linkedin

Assuntos
Mais Procurados

Clínicas Digitais | Conheça o Livro
iMedicina Software Gratuito - Conheça!

Ainda não encontrou
o que buscava?

Método iMedicina

O iMedicina é uma das 10 Maiores Empresas de Tecnologia da Área de Saúde do Brasil, segundo a Distrito.me

Auxiliamos Profissionais de saúde nos 3 Pilares Fundamentais que precisam para prosperar na carreira: