Marketing Médico: Como as Campanhas de Conscientização te Favorecem

marketing médico

Além de atuar no tratamento e diagnóstico de doenças e outros distúrbios, os profissionais de saúde também buscam educar a população a adotar medidas de prevenção. Neste sentido, as campanhas de conscientização precisam estar presentes nas suas estratégias de marketing médico.

Você já ouviu falar nessas campanhas? Sabe como promovê-las nas suas redes sociais, site e/ou blog? Então, continua e leitura deste artigo. Nele, você entenderá a importância dessas iniciativas e como elas favorecem a sua estratégia.

O que são as campanhas de conscientização?

Trata-se de iniciativas criadas em prol de determinada causa e com o objetivo de alertar a sociedade sobre algum tema relevante. Essas campanhas são sazonais e pontuais, abordando ações de prevenção e conscientização.

Geralmente, as campanhas de maior relevância são aquelas associadas a problemas de saúde, tais como, câncer de mama, como outubro rosa; de próstata; de pele; suicídio; depressão; autismo; hepatites; lúpus; aids; vacinação etc.

Por que essas campanhas favorecem o marketing médico?

A finalidade das campanhas de conscientização é alertar a população sobre a necessidade de adotar um comportamento preventivo, estimular uma ação positiva e/ou educar sobre um problema ou patologias que são relevantes na cidade, estado ou país.

Dessa forma, as pessoas percebem a preocupação dos entes envolvidos com o bem-estar delas. Por isso, ao promover essas campanhas no seu consultório com ações de marketing médico, você constrói e transmite uma imagem positiva, aumentando a percepção de valor sobre seu serviço.

Além disso, os seus pacientes também percebem o seu envolvimento com a causa, de modo que associam o seu nome ou do consultório com valores morais, boas condutas e, principalmente, responsabilidade social.

Como inserir as campanhas de conscientização na estratégia de marketing médico?

Para se envolver e apoiar uma causa, você não precisa criar sua própria campanha ou investir em pesquisas para desenvolver uma iniciativa inovadora. Pelo contrário, você deve fomentar ideias que já fazem parte do calendário nacional dos brasileiros.

Além disso, o advento das tecnologias digitais mudou o comportamento de consumo das pessoas. Com isso, elas não estão mais interessadas apenas no seu serviço. Para os pacientes, é mais importante ter uma boa experiência do que a oferta de um custo-benefício atrativo.

Dessa forma, incentivar a conscientização do seu público passa a ser um diferencial competitivo e é uma atitude que melhora sua imagem, fazendo com que os pacientes percebam o valor do seu trabalho e não o preço.

Então, considere a divulgação dessas campanhas na sua estratégia. Para isso, você pode utilizar as redes sociais, o seu site médico, blog ou e-mail marketing para compartilhar o seu apoio a determinada iniciativa.

Quais tipos de iniciativas são mais recomendadas no marketing médico?

De modo geral, você pode apoiar todo tipo de causa que seja relevante para o seu público, mesmo que não tenham relação com a sua especialidade ou com sua área de atuação. Isso porque a proposta é educar e alertar os seus pacientes sobre um problema real.

Porém, ao concentrar os esforços em campanhas que estejam associadas com sua especialidade, você tem maiores chances de impactar os seus pacientes, obter resultados mais satisfatórios e gerar mais autoridade para si e/ou para a clínica/consultório. No que diz respeito à área da saúde, as iniciativas mais conhecidas são as seguintes:

  • Janeiro Branco: a proposta é conscientizar sobre os cuidados com a saúde mental;
  • Fevereiro Roxo/Laranja: campanha de conscientização sobre o lúpus, Alzheimer e fibromialgia
  • Março Azul Escuro: iniciativa que levanta o debate sobre câncer colorretal;
  • Abril Azul: iniciativa dedicada ao autismo;
  • Junho Vermelho: campanha de conscientização sobre a doação de sangue;
  • Julho Amarelo: a proposta é conscientizar sobre as hepatites virais;
  • Agosto Dourado: iniciativa que destaca a importância do aleitamento materno;
  • Setembro Verde/Amarelo: utiliza-se a cor verde para a campanha de doação de órgãos e tecidos. Já o amarelo abre a discussão sobre suicídio;
  • Outubro Rosa: iniciativa para prevenção ao câncer de mama;
  • Novembro Azul: campanha que trata do combate ao câncer de próstata;
  • Dezembro Vermelho: ação dedicada à prevenção da Aids.

Dicas de como engajar em uma campanha de conscientização

Demonstrar apoio às campanhas de conscientização é uma excelente forma de reforçar a sua marca, permitindo que você se diferencie da concorrência, o que ajuda a atrair e fidelizar pacientes.

Prontuário Eletrônico GratuitoPowered by Rock Convert

Mesmo que as autoridades de saúde e as associações médicas desempenhem um bom trabalho na divulgação dessas campanhas, quanto mais profissionais aderirem à divulgação, mais pacientes receberão a informação.

Isso quer dizer que a campanha tem chances de atingir um número ainda maior de pessoas e, consequentemente, impactar positivamente na vida de mais pacientes.

Ademais, existem diversas formas de engajar em uma dessas iniciativas. Em primeiro lugar, preocupe-se em divulgar o seu apoio no ambiente interno da clínica, seja na exibição de vídeos na sala de espera ou na distribuição de folhetos informativos.

Posteriormente, você precisa levar essa informação ao público externo, de modo que associe sua marca à campanha. Como fazer isso? A seguir, listamos algumas respostas para essa pergunta.

Elaborar materiais ricos sobre os temas para redes sociais

As redes sociais são as melhores plataformas para promover o seu apoio às campanhas de conscientização. Isso porque possuem um grande número de usuários e possibilita o compartilhamento deles nas suas próprias redes, aumentando o seu alcance.

Então, elabore materiais ricos sobre o tema, de modo que tenham informações relevantes para educar o seu público sobre aquele problema e, se for o caso, como se prevenir.

Produzir vídeos e conteúdos sobre o tema da campanha

Produzir vídeos informativos é outra forma interessante de abordar o tema da campanha. Segundo pesquisa recente do YouTube, o consumo de vídeos no Brasil cresceu mais de 165% nos últimos cinco anos. Por isso, é um recurso que não pode ser ignorado.

Outrossim, você também deve produzir conteúdos relevantes para o seu blog, respondendo às dúvidas dos pacientes sobre a campanha e esclarecendo as formas de prevenção e cuidados com a saúde.

Oferecer patrocínio às ONGs e instituições que se dedicam àquela causa

Além da produção e do compartilhamento de conteúdos, você também pode oferecer patrocínio às ONGS e instituições envolvidas com a campanha. Com isso, você amplia o potencial do seu marketing médico, pois, as entidades também irão promover o seu nome ou do consultório.

Ademais, você passa a ser visto como um real apoiador da causa que, além da divulgação de informações, também disponibiliza recursos para o projeto. Outra possibilidade é realizar eventos para a captação de recursos para uma entidade associada à campanha.

Participar de debates online sobre o assunto

Uma estratégia de marketing médico eficiente é ampliar o debate sobre determinada causa, criando espaços virtuais para a troca de informações e para responder às dúvidas dos pacientes sobre o tema. Com isso, você aumenta sua autoridade e tende a se tornar uma referência no assunto.

Embora seja uma maneira eficaz de atrair novos pacientes para sua clínica ou consultório, demonstrar o apoio às campanhas de conscientização transmite a mensagem de que você se importa com a saúde das pessoas e ajuda a elevar o potencial de uma iniciativa.

Portanto, com a leitura deste artigo, você já tem todas as informações necessárias para inserir as campanhas de conscientização nas suas estratégias de marketing médico, de modo que eduque a população e melhore a experiência do paciente.

Quer saber mais sobre o assunto? Conheça o esse Guia Definitivo do Marketing Médico e comece a melhorar seus resultados!

metodologia imedicinaPowered by Rock Convert

Deixe seu
comentário

Compartilhar

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on twitter
Share on linkedin

Assuntos
Mais Procurados

Clínicas Digitais | Conheça o Livro
iMedicina Software Gratuito - Conheça!

Ainda não encontrou
o que buscava?

Método iMedicina

O iMedicina é uma das 10 Maiores Empresas de Tecnologia da Área de Saúde do Brasil, segundo a Distrito.me

Auxiliamos Profissionais de saúde nos 3 Pilares Fundamentais que precisam para prosperar na carreira: