É possível ser médico empreendedor?

É possível ser médico empreendedor?

Depois de um longo período na universidade e atuando como residente, você já pode se encaminhar para uma nova fase da vida. Contudo, sua mentalidade talvez não ainda não seja como a de um médico empreendedor.

Pensar dessa maneira significa focar na conquista de resultados por meio de trabalho e conhecimento — algo que parece ser simples, mas que vem acompanhado de uma série de dificuldades como o gerenciamento da própria rotina e o de uma empresa.

Isso não é motivo para se assustar ou desistir. A atitude empreendedora envolve a criação e oferta de algo que a sociedade deseja, mas que nem sempre está à disposição dela. Em Medicina, é o passo necessário para se destacar e até sobreviver no mercado.

Continue a leitura e descubra como se tornar um médico empreendedor.

Cenário do empreendedorismo médico no Brasil

Os avanços tecnológicos que vêm ocorrendo ao longo das últimas décadas criaram um cenário favorável para o profissional de saúde brasileiro. Novos modelos de negócios foram criados — promovendo, inclusive, o acesso à população mais carente.

Empreendedores encontraram nas deficiências do Sistema Único de Saúde (SUS) e dos planos de saúde a oportunidade para criar clínicas populares, como Doutor Consulta, e serviços de assinatura de consultas, como a Amparo.  

Segundo a Associação Brasileira de Franchising (ABF), franquias na área de saúde tendem a ocupar mais espaço nesse mercado nos próximos 30 anos — fato ocasionado também pela mudança no modo de vida das pessoas.

O brasileiro está vivendo mais e demanda serviços únicos e diferenciados. Esse é, portanto, um momento especial para quem deseja abrir um negócio e se tornar médico empreendedor. Mas é preciso pensar de um modo diferente e ter certas habilidades.

Aqui vai uma boa notícia: você já tem algumas delas!

Habilidades do médico empreendedor

Há médicos que não se imaginam como donos do próprio negócio — seja por desejo ou medo de encarar o desafio. No entanto, muitos profissionais de Medicina têm características de empreendedores.

Colocá-las em prática pode direcionar sua carreira para uma próxima fase, em que você abre sua clínica ou consultório. Veja quais são as habilidades do médico empreendedor:

Aprende com os próprios erros

Essa é uma maneira importante de se adquirir experiência. Você também pode aprender com os erros de outros profissionais — para não os cometer. E no mundo do empreendedorismo, isso é fundamental para administrar bem qualquer negócio.

Estuda para experimentar novidades

O médico empreendedor está sempre atento às inovações tecnológicas, aos resultados de pesquisas e aos lançamentos de novos medicamentos. Estudá-los permite acompanhar as mudanças do mundo e do mercado.

Analisa riscos e benefícios

Todo médico é treinado para avaliar os riscos de cada ação e analisar os benefícios que podem ser conquistados. Trata-se de uma capacidade de tomar decisões baseadas em custo-benefício — fundamental para quem deseja empreender.

Reconhece padrões para tomar decisões  

Outra habilidade do médico empreendedor é a alta capacidade de reconhecer padrões. A repetição de pontos positivos ou negativos faz com que a tomada de decisões seja feita com segurança e objetivando sempre os resultados positivos.

Prontuário Eletrônico GratuitoPowered by Rock Convert

Direciona seu foco para a ação

O médico empreendedor entende que, após tomar uma decisão, precisa planejar os próximos passos e partir para a ação. É dessa maneira que o negócio evolui começa a tomar forma.

Lida com as incertezas

Em algumas situações, o médico decide agir sem ter certeza das informações. O paciente pode omitir informações importantes, como um hábito ou medicamento que toma. E quando o assunto é empreender, essa capacidade de lidar com as incertezas é essencial.

Tem responsabilidade

A responsabilidade é uma das maiores qualidades humanas e, no mundo dos negócios, torna-se indispensável para o médico empreendedor. Um profissional responsável jamais abandona uma tarefa porque ela é difícil.

Ferramentas úteis para o seu empreendedorismo

Para que você dê os primeiros passos e se torne um médico empreendedor, agrupamos em seis categorias as principais ferramentas que você precisa dominar:

Conhecimento

Já faz parte do seu dia a dia como médico. Mas é preciso expandi-lo para áreas como empreendedorismo, finanças, gestão, liderança e outras. Você pode adquirir esse conhecimento por meio de livros, cursos, palestras e consultorias.

Público-alvo

Grandes ideias surgem a partir da visualização dos problemas e necessidades do público-alvo, ou seja, os pacientes. Por isso, você precisa acompanhar o mercado para tornar única sua clínica ou consultório.

Nesse aspecto, seu objetivo é entender o que os pacientes buscam, por exemplo, na hora do atendimento. A partir desse entendimento, será possível oferecer uma experiência única que fidelizará

Finanças

Por mais que você contrate um contador ou administrador, é fundamental ter noções básicas de economia, administração e finanças. Esse conhecimento possibilita ter uma visão estratégica do negócio, sem tocá-lo às cegas.

Organização

Para oferecer um serviço diferente e eficiente, suas rotinas devem estar devidamente organizadas. A documentação precisa estar em dia, a agenda atualizada e, inclusive, as questões financeiras, fiscais e contábeis.

Marketing

Existem diversos meios de comunicação que podem tornar conhecido seu consultório ou clínica. Em alguns, como o Instagram, é possível fazer divulgação com apenas R$1. E, na maioria, você pode garantir sua presença sem precisar investir em conteúdo pago.

Softwares de gestão

Os softwares de gestão conseguem reunir as áreas acima — ou a maioria delas. Eles permitem a organização da rotina, o gerenciamento das finanças, a segurança dos dados e o acesso a partir de qualquer dispositivo conectado à internet.

Desafios do médico empreendedor

A busca por mais conhecimento é o primeiro desafio do médico empreendedor. Devem ser adquiridos novos conhecimentos, habilidades e competências para tomar decisões com consciência e segurança.

Reserve algumas horas semanais para estudar, ver palestras e ler materiais específicos para profissionais que estão começando a trabalhar na própria empresa.

Aprenda também a gerenciar pessoas. São elas que formarão sua equipe e que estarão na linha de frente do atendimento dos pacientes. Isso envolve, além da contratação, treinamento e gestão de pessoas.

Por fim, para ser um médico empreendedor de sucesso, você deve se adaptar à rotina multitarefa, aprendendo a conciliar suas diversas atribuições com o empreendedorismo. Mas não se esqueça de que softwares podem ajudá-lo bastante neste aspecto!

Pense na sua carreira e comece essa jornada como médico empreendedor baixando agora o Guia Completo para Abrir o seu Consultório do Zero.  

metodologia imedicinaPowered by Rock Convert

Deixe seu
comentário

Compartilhar

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on twitter
Share on linkedin

Assuntos
Mais Procurados

Clínicas Digitais | Conheça o Livro
iMedicina Software Gratuito - Conheça!

Ainda não encontrou
o que buscava?

Método iMedicina

O iMedicina é uma das 10 Maiores Empresas de Tecnologia da Área de Saúde do Brasil, segundo a Distrito.me

Auxiliamos Profissionais de saúde nos 3 Pilares Fundamentais que precisam para prosperar na carreira:

Já está de saída?

Junte-se a dezenas de milhares de Médicos e receba no seu email os melhores conteúdos sobre gestão, empreendedorismo e marketing em saúde.

Ao inscrever na nossa newsletter, você está autorizando o iMedicina a enviar conteúdos de seu interesse. Jamais fazemos spam! Confira nossa política de privacidade.