Quais especializações fazer depois da faculdade de odontologia

odontologia

O desenvolvimento das pesquisas científicas promove o aumento do conhecimento e o desenvolvimento tecnológico. Como consequência, o número de especializações no mercado de trabalho também aumenta. O estudante de Odontologia possui, hoje, diversas especializações para escolher. Confira abaixo quais as opções disponíveis atualmente.

Especialidades da Odontologia

O Conselho Federal de Odontologia (CFO) reconhece muitas especialidades para os profissionais brasileiros. Veja quais são:

Cirurgia e Traumatologia Buco-Maxilo-Facial – O especialista nessa área trata fraturas e lesões em maxilares, mandíbulas e dentes.

Dentística Restauradora – Essa especialização forma o profissional responsável pela devolução da função mastigatória de dentes danificados. Ela possui um caráter estético, por isso envolve procedimentos como clareamento dos dentes.

Disfunção Temporo-mandibular e Dor Orofacial – O especialista nessa área usa seu conhecimento para diagnosticar e tratar dores bucais e nas estruturas relacionadas.

Endodontia – Voltada para o tratamento de canais. O dentista realiza o diagnóstico e o tratamento de problemas que afetam a polpa dentária e os canais radiculares.

Estomatologia – Voltada ao tratamento de doenças desenvolvidas na boca e nas suas estruturas.

Implantodontia – Especialidade dos profissionais que restauram dentes perdidos. Envolve a implantação de raízes artificiais e dentes protéticos.

Odontogeriatria – O estudo é voltado para o processo de envelhecimento, sendo a especialização, portanto, adequada ao atendimento de idosos.

Odontologia do Trabalho – Especialização voltada à saúde bucal do trabalhador, buscando criar uma compatibilidade com sua profissão.

Odontologia em Saúde Coletiva – Estuda os fenômenos relacionados à saúde bucal coletiva. Envolve a análise, organização, planejamento e execução de ações voltadas a grupos populacionais.

Odontologia Legal – Capacita profissionais para a aplicação legal e criminal do conhecimento. O dentista se torna especialista em análise craniofacial de indivíduos, buscando, através disso, solucionar casos.

Odontopediatria – Especializa o profissional para o atendimento à criança.

Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais – Para profissionais que desejam se especializar em tratamento de pacientes com deficiências no sistema biológico e/ou psicológico.

Ortodontia – O ortodontista corrige o posicionamento dos dentes, colocando-os de maneira certa através de aparelhos corretivos, que podem ser móveis ou fixos.

Ortopedia Funcional dos Maxilares – Corrige os desequilíbrios dentários das estruturas bucais e do complexo craniofacial por meio de recursos terapêuticos.

Patologia Bucal – Especialização cujo objetivo é estudar alterações na cavidade bucal e nas estruturas anexas. É ligada a Odontologia Forense.

Periodontia – Essa especialidade cuida de tudo o que há em torno do dente: gengivas, osso e ligamento periodontal.

Prótese Buco-Maxilo-Facial – Especializa dentistas para reparar coroas dentais e cuidar dos espaços obtidos de extrações.

Prótese Dentária – Especialidade do profissional que confecciona coroas, próteses dentárias, fixas ou removíveis.

Radiologia Odontológica e Imaginologia – O objetivo é o trabalho com radiografia e outros exames por imagem, bem como a obtenção da documentação necessária para o tratamento bucal.

Habilidades complementares

A Resolução CFO 82/2008 reconhece ainda outras habilidades como complementares a atividade profissional da Odontologia. As técnicas abaixo foram reguladas como práticas integrativas ao tratamento bucal. O Art. 1º reconhece-as como úteis ao exercício do cirurgião dentista.

• Acupuntura
• Fitoterapia
• Hipnose
• Terapia floral
• Homeopatia
• Laserterapia

Como em qualquer profissão, o estudo constante leva ao aperfeiçoamento e não estamos falando só de conhecimento na especialidade escolhida não! Estamos falando de conhecimento estratégico em gestão e marketing. 

Sim! O seu consultório de odontologia também é um empreendimento e precisa ser visto como tal. Por isso, é importante que você esteja preparado e munido de recursos tecnológicos que facilitem a gestão do seu consultório e centralizem em um só lugar todas as ações que você precisa executar para divulgar seu consultório na web.

Você sabia que existem softwares médicos extremamente eficazes que auxiliam na gestão do consultório e no relacionamento com os pacientes? E que, inclusive, podem ajudá-lo na parte estratégica e no marketing do consultório?

No iMedicina nós oferecemos essa possibilidade! Conheça nossa proposta visitando a nossa página e entenda melhor como informatizar o seu consultório e atrair novos pacientes!

Esse artigo sobre Odontologia foi útil a você? Não deixe de ler outros textos do nosso blog, pois também lhe ajudarão!

Compartilhe este conteúdo:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Compartilhe este conteúdo:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Artigos relacionados

O que achou? Deixe seu comentário!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Já está de saída?

Junte-se a dezenas de milhares de Médicos e receba no seu email os melhores conteúdos sobre gestão, empreendedorismo e marketing em saúde.

Ao inscrever na nossa newsletter, você está autorizando o iMedicina a enviar conteúdos de seu interesse. Jamais fazemos spam! Confira nossa política de privacidade.

Junte-se a Dezenas de Milhares de Médicos

Receba no seu email os melhores conteúdos sobre gestão, empreendedorismo e marketing em saúde.